Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Remo acusa segurança do Paysandu de agredir diretores azulinos durante comemoração na Curuzu; vídeo

Imagens de Oliberal.com mostram momento em que Luciano Mendes dá soco em Marcelo Bentes, diretor da base. Valeny Silva também afirma ter sido agredida

Fabio Will e Pedro Cruz

As cenas de tumulto ao final do Re-Pa desta quarta-feira, na Curuzu, teriam sido provocadas pelo coordenador de segurança do Paysandu, Luciano Mendes. Esta é a acusação do Remo. Ainda no gramado do estádio após a conquista do 47º título estadual azulino, o presidente Fábio Bentes e a coordenadora de logística do Leão, Valeny Silva, acusam o funcionário bicolor de agressão contra ela e Marcelo Bentes, diretor da base.

"Ele me deu um soco, me deu um soco, p***", contou Valeny à reportagem, ainda no gramado.

 

Passado o calor do momento, já depois da entrega do troféu e com o estádio esvaziado, o presidente do Remo, Fábio Bentes, lamentou o ocorrido e confirmou que um Boletim de Ocorrência foi feito.

"O BO já está sendo feito, ele evadiu do estádio, fugiu para não ser preso em flagrante, mas nós vamos registrar o BO e vamos até o fim", confirmou o mandatário azulino.

VEJA MAIS

Em nota, Remo cita agressões físicas a diretor e coordenadora feitas por funcionário do Paysandu
Em nota o clube azulino lamentou as agressões e alegou falta de "espírito esportivo" do rival

Caso Eduardo Ramos: investigação sobre suposta agressão por traição é encerrada pela polícia
Polícia Civil informou que a mulher envolvida no caso foi ouvida e negou qualquer tipo de agressão. Investigação foi encerrada por ausência de indícios de crime

Conheça a princesa do Rainha das Rainhas que conquistou o coração de meia do Remo
Felipe Gedoz engataou romance com paraense e, pelo visto, o prendeu no Pará; veja quem é

Presidente em exercício da FPF sobre apagão das luzes da Curuzu: 'Faltou um pouco de respeito'
Remo conquistou o Campeonato Paraense em cima do Paysandu, em plena Curuzu

Ônibus do Remo é apedrejado na saída da Curuzu

Após 'apagão', jogadores do Remo provocam o Paysandu durante comemoração na Curuzu; assista
O elenco, comissão técnica e staff azulino não perdoaram e "tiraram onda" no Estádio da Curuzu

"Eu fico triste. O gestor de segurança do Paysandu agrediu a nossa coordenadora de logística sem nenhuma necessidade. Não tinha porque isso acontecer. As pessoas estavam ali tentando controlar para não ter mais tumulto e ele, que era um cara para acalmar e separar, chegou inflamando e agredindo. Agrediu ela e um outro diretor nosso. O nome disso é despreparo", prosseguiu Fábio Bentes.

Imagens da equipe de transmissão de OLiberal.com mostram o começo do tumulto causado quando jogadores e membros da comissão técnica do Paysandu partem para cima de um funcionário do Remo que estava com uma bandeira do clube, comemorando o título. A partir daí, vê-se empurra-empurra, discussões e o soco dado por Luciano Mendes em Marcelo Bentes, de costas.

VEJA MAIS

Torcedor que fez camisa antecipada do título do Remo na Curuzu diz: 'Não teve zica'
Torcedor Rafael Lima mandou fazer uma camisa com a frase "Fui campeão na casa do rival” e viralizou nas redes sociais

Paulo Bonamigo comemora o primeiro título pelo Remo; confira
Treinador parabenizou o grupo e o adversário, que foi bravo, mas perdeu pelo conjunto da obra dos azulinos

Apesar dos tropeços, campanha do Remo foi regular e coroada com título na Curuzu
Em 14 jogos, Clube do Remo conseguiu seis vitórias, seis empates e duas derrotas

Resposta bicolor

Procurado por OLiberal.com, o Paysandu se posicionou por meio de nota. O Papão informa que vai apurar as imagens e vai cobrar os responsáveis pelas agressões, tanto internamente quanto pessoas ligadas ao Remo.

"O Paysandu Sport Club informa que já começou a analisar e apurar todas as imagens, tantos as que estão sendo imputadas aos prestadores de serviços do clube, como também as de pessoas ligadas ao Clube do Remo. Tudo será verificado e analisado. Se for necessário, haverá penalidades aos que estiverem ligados ao Clube e pedidos de penalidades aos que estiverem ligados ao rival", posicionou-se o Alviceleste.

VEJA MAIS

Em Curuzu lotada, Remo perde para Paysandu, mas fica com o título do Parazão 2022; confira
Final foi decidida nos detalhes. No placar agregado, azulinos venceram por 4 a 3

Campeão no escuro! Luzes da Curuzu apagam durante entrega da taça ao Remo
Momento aconteceu durante a entrega do troféu

Entenda o caso

Confusão aconteceu depois que o Remo conquistou o título do Campeonato Paraense de 2022, nesta quarta-feira (6), no jogo de volta da final da competição, que foi realizada no Estádio da Curuzu. Em campo, o Paysandu venceu por 3 a 1, mas Leão levou a melhor por ter triunfado por 3 a 0 no jogo de ida, no Baenão.

Parazão
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES