Cidade Nova, em Ananindeua, tem reduto de boas pizzarias

Chef Kenny Nogueira explica o que define uma boa pizza

Luiz Cláudio Fernandes
fonte

A movimentada rua SN 3, na Cidade Nova 8, Coqueiro, e o seu entorno, são um reduto de bons restaurantes e pizzarias. Ao longo da avenida se concentram cerca de cinco pizzarias muito elogiadas pelo público que busca boa gastronomia. 

Prevendo o rápido crescimento da Cidade Nova e o potencial financeiro da população local, o empresário Ozório Junior, 48, inaugurou em 2004 a segunda unidade da sua pizzaria na SN 3. “A nossa pegada é a mesma da unidade de Belém. Usamos ingredientes de primeira qualidade e seguimos protocolos de uma culinária mais refinada, como massa feita todo dia, molho de tomate fresco, mussarela direto da fábrica e catupiry legítimo, que custa quatro vezes mais”, explica. 

José Junior Maciel, 42, é dono de uma pizzaria que funciona há sete anos nesta mesma rua. Sua principal concorrente fica a alguns metros dali. Ele conta que começou de forma tímida e hoje tem duas unidades na Cidade Nova e outras duas em Belém. “Comecei com uma portinha e o crescimento foi estrondoso. O mercado aqui é tão forte que me deu um suporte para investir também em Belém. Ou seja, fizemos o movimento inverso. Enquanto as pessoas expandem da capital para cá, nós começamos aqui e expandimos daqui para Belém”, conta. 

image José Junior Maciel, 42, é dono de uma pizzaria que funciona há sete anos nesta mesma rua (Sidney Oliveira / O Liberal)

Junior informa ainda que, apesar da unidade de Belém ser maior e muito bem localizada, o fluxo de gente e o faturamento são maiores nas unidades de Ananindeua. Ele mora em Ananindeua desde 1981. Residiu um tempo fora, mas retornou em 2014, quando decidiu montar a pizzaria, e acompanha o crescimento do comércio e a valorização imobiliária na Cidade Nova. 

“Até 1998 não tinha esse movimento todo aqui. Ananindeua era conhecida como a cidade dormitório. Tinha que ir pra Belém em busca de gastronomia e diversão. Hoje a gente sai e vê todo esse movimento aqui, todas essas opções”, informa Junior. Segundo ele, por ser um dos principais corredores de saída da Cidade Nova, o fluxo é contínuo na WE 27, de domingo a domingo. “É uma via estratégica para o comércio”, avalia. 

A estudante de Geografia Jade Penafort, 25, circula muito com seu grupo de amigos por esta região. “Esse é o nosso raio de alcance de lazer aqui na Cidade Nova. Nós curtimos muito a noite de Ananindeua e procuramos sempre lugares com comida boa e mais cosmopolitas”, informa. “Não somos público da Estação do Som. Procuramos lugares mais calmos, onde a gente se sinta seguro, como esse aqui”, acrescenta o amigo Marcelo Pereira, 29, professor de Matemática.

image A estudante de Geografia Jade Penafort, 25, circula muito com seu grupo de amigos por esta região (Sidney Oliveira / O Liberal)

Jade conta que ela e os amigos circulam apenas em Ananindeua, não costumam ir para Belém em busca de diversão. “Aqui tem tudo que a gente precisa. Inclusive, gastronomicamente falando eu considero Ananindeua até mais rica que Belém, e os preços são bem mais acessíveis. Nessa pizza, por exemplo, eu gastaria 30% a mais se fosse em Belém”, avalia. 

“Na Cidade Nova tem muita opção. Basta procurar. Nós, por exemplo, costumamos descobrir novos bares, karaokês e praças”, diz Marcelo. “Se moramos aqui, porque vamos nos deslocar para outra cidade em busca de diversão?!”, acrescenta Jade.  

Segundo o arquiteto e chef Kenny Nogueira, Ananindeua está se destacando no cenário da gastronomia. “A gente vê muitos restaurantes e pizzarias procurando esse caminho. Eu tô fazendo, por exemplo, o projeto de um restaurante de gastronomia internacional para um público mais diferenciado, com vinhos importados, que mora nessa região de Ananindeua”, explica. 

image Chef Kenny Nogueira (Alexandre Lima)

Saiba o que define uma boa pizza 

Segundo o chef Kenny Nogueira, três coisas definem uma boa pizza: massa de fermentação natural, temperatura certa do forno e qualidade dos molhos. “A qualidade da pizza está diretamente relacionada à utilização de uma fermentação natural no preparo da massa. Ou seja, a pizzaria deve fabricar seu próprio fermento e não usar aquele fermento químico do supermercado. Com esse processo, a massa leva dois dias para ficar pronta. Além disso, é preciso investir em um bom trigo”, explica. 

 

Diversão & Lazer
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS DE ANANINDEUA

MAIS LIDAS EM ANANINDEUA