Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Chocolate: mocinho ou vilão da Páscoa? Nutricionista explica benefícios da guloseima

Confira as orientações de nutricionista para o consumo mais saudável de chocolate

Camila Guimarães

No próximo domingo, 17 de abril, é comemorada a Páscoa, mas desde antes disso o consumo de um dos itens tradicionais da época já começa a aumentar. O chocolate é um dos doces mais populares no Brasil, fazendo parte da lista de compras de 82,6% dos lares brasileiros, segundo a Associação Brasileira da Indústria de chocolates, cacau, amendoim, balas e derivados (Abicab). Mas nem tudo é doce, quando se trata de chocolate.

VEJA MAIS

Mesa de Páscoa: confira como montar a sua
Elementos devem ser montados de maneira harmoniosa e organizada

Páscoa: Confira qual é o chocolate mais saudável e como escolher
A chegada da Páscoa aumenta a busca por chocolate no mercado; saiba qual escolher

A nutricionista Paloma Queiroz explica que o cacau, matéria prima do chocolate, é uma ótima fonte de nutrientes para o corpo, trazendo benefícios inclusive para a saúde mental, ao combater o estresse e a ansiedade. Entretanto, o chocolate produzido a partir desse fruto pode oferecer alguns riscos.

“O benefício do cacau em si são vários, são fontes de nutrientes como magnésio, selênio, triptofano. Reduz o estresse, diminui a ansiedade, auxilia na perda de peso por ajudar no controle dessa ansiedade. Além disso contém polifenóis, flavonoides, compostos bioativos tem função probiótica, ou seja, ajuda no funcionamento do intestino, ajuda na questão cognitiva. São inúmeros benefícios, mas quando falamos de chocolate, o benefício depende do tipo que a pessoa consome”, comenta Paloma.

Ovo de Páscoa: quanto custa e como fazer em casa?
Marcas como Vivara, Cacau Show, Turma da Mônica e Hello Kitty são algumas das principais no mercado

O tipo de chocolate preferido da autônoma Rita Farias, de 61 anos, por exemplo, não é um dos mais recomendados do ponto de vista nutricional: “Eu adoro chocolate branco e não é só na Páscoa. Os meus filhos sabem que eu gosto e de vez em quando compram pra mim”, ela conta.

Segundo a nutricionista, o chocolate branco é o que tem menor concentração de cacau e dos seus benefícios entre todos os tipos do mercado: “O chocolate branco é só leite e o açúcar, e alguns acabam sendo só açúcar”, diz Paloma. Para ela, os tipos de chocolate mais indicados são aqueles com teor de cacau a partir dos 70%, consequentemente, são os mais escuros e amargos também.

Símbolos da Páscoa e seus significados: entenda a história da data
A Páscoa vai ser comemorada esse ano no dia 17 de abril. Pensando nisso, conheça o significado dos principais símbolos da festividade cristã

“Na verdade o chocolate tem algumas diferenças, tem o chocolate ao leite que contém menos cacau, tem o chocolate meio amargo com um pouquinho mais de cacau, e os tipos  com maior teor de cacau, a partir de 70%. Esses, geralmente, são os que têm mais benefícios à saúde. Quando tem menos concentração de cacau, geralmente tem mais açúcar, mais leite e não traz todo o benefício que o cacau proporciona”, explica a nutricionista.

Além disso, o consumo do chocolate com maior concentração de cacau é também o mais indicado para pessoas com comorbidades, como diabetes e hipertensão. “O chocolate a partir de 70% pode ser consumido por pessoas com algumas patologias, como diabetes, pessoas com colesterol elevado, dentre outros. A restrição mesmo é para quem tem algum tipo de alergia ou intolerância”, pontua Paloma.

Bentô Cake ganha versão ovo de Páscoa e vira sucesso de vendas; saiba como fazer
Os bentô cakes fizeram tanto sucesso nas docerias do Pará que foram adaptados para a versão ovo de Páscoa; veja

Ovo bentô cakes: saiba como fazer um ovo de Páscoa com recheio de brigadeiro inspirado no meme
A receita é uma ótima opção para presentear no domingo de Páscoa

Apesar dos benefícios, e mesmo com o cuidado sobre o tipo de chocolate, a nutricionista alerta que o segredo para o consumo saudável do doce está no equilíbrio: “Não existe uma quantidade máxima indicada por dia, mas o ideal é não se exceder, mesmo que você esteja comendo chocolate acima de 70%”.

Elis Regina já providenciou o chocolate da neta para esta Páscoa. (Filipe Bispo/O Liberal)

Essa lição quem já sabia era a dona de casa Elis Regina, de 48 anos, que já providenciou o ovo de páscoa da neta, Talita, de seis anos: “Nós sempre presenteamos ela com chocolate na Páscoa. Ela sempre ganha de mim, do pai, da tia. Eu também gosto, principalmente do ao leite, mas eu acho que faz mal. Por isso a gente não pode exagerar, só come de vez em quando”.

Britney Spears compartilha vídeo de Ovo de Páscoa feito em Rondônia e ganha homenagem
Com o sucesso do viral, confeitaria Flakes Brasil renomeou o doce para 'Ovo Britney'

Para não errar na escolha do chocolate de Páscoa e garantir a opção mais saudável para a família, a nutricionista dá a dica: “É sempre importante ler o rótulo e a composição do alimento, mesmo que tenha o teor de cacau na frente da embalagem, para ter certeza do que está levando para casa”.

Belém
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM