Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Barcarena: Como chegar e o que fazer nas belezas naturais do Caripi; vídeo

A praia tem água salobra, quase doce, formada pelas águas da Baía do Marajó e com aproximadamente 6 quilômetros de extensão

Daleth Oliveira

Sol, família, praia, música ambiente, um almoço na orla da praia mais badalada de Barcarena. Esse é um resumo perfeito da praia do Caripi, a mais popular de Barcarena e um dos destinos preferidos dos moradores da Região Metropolitana de Belém.

VEJA MAIS

Hotelaria de Barcarena se prepara para o primeiro veraneio sem restrições sanitárias
Barcarena é uma das opções preferidas de quem mora na região para passar um final de semana, descansar e tomar um banho de praia.

Qual praia não chove em julho? Veja o roteiro de viagem de férias em 2022
Confira os melhores lugares para aproveitar o sol, pegar um bronzeado e ainda descansar sem medo da chuva

Pensando em viajar em julho? Veja os valores das passagens para os destinos mais procurados no Pará
De acordo com Dieese, os transportes rodoviários deverão ser o principal meio de deslocamento durante o veraneio de 2022

Cerca de 87 km ou 40 minutos de lancha separam as cidades, tempo este que não desanima até mesmo que mora mais distante da capital. Como é o caso de Nathalia Cunha, moradora de Marituba, que prefere a praia do Caripi, mesmo tendo outras opções mais próximas.

“Sempre que posso eu venho aqui. Eu gosto do clima, do ambiente mais reservado, do contato com a natureza. É sem dúvidas a minha preferida. Considero um privilégio ter um paraíso desse tão perto da Região Metropolitana, perfeito para refrescar no nosso clima quente”, considerou a maritubense.

Heliana Sena é gerente de negócios, natural de Belém, mas decidiu viver em Barcarena há três anos. Enquanto se deliciava em um dos 37 restaurantes da orla, ela contou que, entre as praias do Pará, prefere as de água doce, entre elas, a de Caripi.

“Aqui em Barcarena você tem muitas atrações, mas eu gosto mais de estar aqui na praia de Caripi devido ser uma praia de água doce, em que consigo mergulhar sem aquela preocupação de ardência nos olhos, os restaurantes terem uma excelente receptividade, opções de refeições com a cara da Amazônia, tem peixe frito, camarão, tudo muito bom”, disse animada.

A praia tem água salobra, quase doce, formada pelas águas da Baía do Marajó e com aproximadamente 6 quilômetros de extensão. Além de Caripi, outras praias também são opção de lazer no município, como Cuipiranga, Conde, Fazendinha, entre outras, que também são boas opções de lazer para o veraneio paraense.

Comerciantes estão animados

José Mário vende picolé na praia há 20 anos. Ele conta que depois do período crítico da pandemia de covid-19, está animado para o primeiro veraneio sem restrições sanitárias, o que deve aumentar as suas vendas. “Aos finais de semana, aqui dá bastante turistas, a criançada faz a alegria de quem vende picolé e sorvete. Acredito que este verão será ainda melhor”, disse animado.

VEJA MAIS

Trabalhadores do ramo do turismo estão na expectativa da chegada do verão Amazônico
A cheia do Tapajós transforma a paisagem existente na frente da vila balneária conhecida por praias de águas límpidas e areias brancas

Venda de biquínis, maiôs e sungas movimentam o comércio com a chegada do verão
Lojistas se prepararam esperando boas vendas nesse período

Segundo Edson Fernandes, empresário no setor gastronômico da área, o cenário é otimista e aponta uma crescente melhora já nos últimos meses. “Passamos dois anos preocupados, com pouca demanda. Mas agora estamos prontos para retomar nossa atividade a todo o vapor e com as férias escolares se aproximando, tudo indica que teremos um bom movimento nas praias”, pontuou.

Verão com atrações nacionais

A praia do Caripi será palco da programação de veraneio em Barcarena, neste mês de julho, com shows de artistas locais, regionais e nacionais. A Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo (Secult), informou que deve divulgar o nome das atrações e os dias das apresentações em breve. Os eventos culturais vão ocorrer a partir do terceiro final de semana das férias. A Polícia Militar montou um esquema especial para garantir a segurança.   

Para assegurar um verão divertido, tranquilo e seguro, principalmente nos dias de sábado e domingo, a gestão municipal organizou uma ação integrada entre as secretarias municipais e com os órgãos de segurança do Estado.

Nos dias de maior movimento, a prefeitura vai realizar campanhas de educação ambiental na praia mais famosa da cidade. A secretaria de Saúde vai disponibilizar uma ambulância para o Caripi para eventuais ocorrências. A Secretaria de Esporte e Lazer também planejou torneios para o local. Os bares, restaurantes e hotéis próximos das praias já estão preparados para receber os visitantes. 

Veículos de turismo precisam fazer agendamento

Antes do início do verão, o prefeito de Barcarena, Renato Ogawa, tornou Lei Municipal a obrigatoriedade do pagamento para acesso, circulação e permanência de veículos de turismo nos limites territoriais das praias do município. Interessados, devem pedir uma autorização com até 15 dias de antecedência à chegada na cidade.

VEJA MAIS

Make iluminada e estratégica para ser usada no verão
Bruno Ferreira mostrou o passo a passo de uma maquiagem que pode ser usada de dia no verão, e transformada no período da noite

Bebidas alcoólicas durante o verão podem causar problemas de saúde; saiba quais
Entre os mais frequentes, estão: inflamações no fígado e cirrose

[[(standard.Article) Projeto Pipas: saiba como evitar acidentes com a brincadeira neste verão]]

Caso o acesso seja aprovado pela Prefeitura, os responsáveis terão que pagar taxas que variam entre R$ 100 e R$ 2 mil, dependendo do tipo do automóvel, tempo de permanência e se os passageiros ficarão ou não hospedados no município.

O pedido de autorização de acesso e os documentos descritos no art. 6° deverão ser encaminhados ao setor competente da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), por meio do endereço eletrônico: secult.barcarena.pa@gmail.com.

A Secult informou que até a última semana de junho, já foram agendados cerca de 300 ônibus de turismo para as praias do município, tendo o Caripi como o destino mais procurado.

Como chegar

Pela Alça Viária de carro

Saindo de Belém, pegue a BR-316 até a Alça Viária - PA-483. Cruze as pontes sobre os rios Guamá, Acará e Moju, seguindo por aproximadamente 66 km. Ao avistar o trevo da Alça Viária, siga até o trevo do Peteca, onde deve dobrar a direita. Ao chegar ao trevo de acesso à Vila dos Cabanos, a manobra é feita à esquerda até chegar à Praia do Caripi.

Pelo Terminal Rodo Fluvial de carro

Balsas saem do Terminal Rodo Fluvial de Belém, na avenida Bernardo Sayão. Desembarque no porto do Arapari, siga em frente por 8 km até o primeiro trevo, onde deve virar à direita. Depois siga mais 10 km até o próximo trevo e vire à esquerda.

Pelo Terminal Rodoviário de Belém

Ônibus e vans partem diariamente do terminal rodoviário de Belém, com percurso de cerca de 115 km. Quando entrar no município de Barcarena, peça ao motorista para descer no terminal rodoviário de Vila dos Cabanos. De lá, pode pegar uma van até a praia do Caripi.

Pelo Ver-o-Peso

Saídas diárias da Praça do Pescador, no complexo turístico do Ver-o-Peso, em Belém. Duração média de 1h de lancha e 2h de barco. Desembarque no porto de São Francisco, onde existem linhas de transporte que levam até a Vila dos Cabanos e até à praia do Caripi.

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM PARÁ

MAIS LIDAS EM PARÁ