Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Com o apoio da torcida, goleiro da Portuguesa celebra cura de câncer do filho

Jogador comemorou nas redes sociais a última quimioterapia do filho Gustavo, de apenas quatro anos

Aila Beatriz Inete

O goleiro da Portuguesa Thomazella agora é só alegria. Além de conquistar o título da Série A2 do Paulista em abril, o jogador comemorou a maior vitória da sua carreira: a cura do seu filho Gustavo, de apenas quatro anos, que lutava contra um câncer. No processo, o atleta e a família tiveram o apoio da torcida do time. 

VEJA MAIS

Atacante paraense ex-Remo divulga rifa para custear tratamento do filho, na Inglaterra; veja
A solidariedade tem sido um fator crucial para o tratamento médico do pequeno Luca, na luta contra o câncer

Após vitória da Tuna, Fidélis se emociona e dedica gol para sobrinha que tem câncer
Atacante fez o segundo gol da partida, que terminou 4 a 0 para a Águia do Souza

Bandas de rock fazem shows para ajudar filho de ex-jogador do Remo; criança luta contra o câncer
Evento chamado "Live Luca" ocorre no dia 11 de outubro, em Belém

O pequeno lutava contra um linfoma de Burkitt, câncer que ataca as células e tem alta taxa de disseminação, desde novembro do ano passado. Na última semana, Gustavo fez a última quimioterapia, celebrada por toda a família nas redes sociais. 

Gustavo fazia tratamento em um hospital da Zona Sul de São Paulo. No carro, os pais escreveram a frase “lavando o nosso filho para a última quimio”. 

Apoio da torcida

Quando Thomazella descobriu o câncer do filho, que tinha apenas três anos, o goleiro pensou em deixar o futebol para cuidar de Gustavo. No entanto, o jogador conversou com a família, médicos e com dirigentes da Portuguesa, e ele decidiu seguir no esporte. 

“A torcida me abraçou de uma forma inexplicável. Depois que eu divulguei o caso do Gustavo, fomos jogar com o São Caetano, em casa, e já tinha faixas no estádio, mandando força para mim, para o meu filho, e eles gritando o nome dele. O carinho com que eles abraçaram a causa, as correntes de orações e as inúmeras mensagens que eu estava recebendo de torcedores. É um carinho imenso que tenho com essa torcida, que só tem nos apoiado, dado força para mim e para minha família”, contou Thomazella.

Em abril, Thomazella entrou em campo com o filho, que estava no meio de todo o processo de quimioterapia, e foi ovacionado pela torcida 

Em Belém, curada de câncer, criança comemora: 'Buzine. Hoje faz 1 ano que fiz transplante de medula'
Avô do garotinho de 10 anos percorreu, de carro, as ruas de Belém para celebrar a cura do neto

Diagnóstico precoce é fundamental em casos de câncer infantil
No caso da leucemia, câncer mais comum em crianças, a chance de cura é de 75%, segundo médica especialista

Menino que viralizou por foto emocionante em tratamento de câncer aparece curado ao lado da irmã
Segundo sua mãe, Beckett ficou muito feliz ao saber da sua cura, mas ao mesmo tempo "nervoso" por saber que poderá retirar o ponto de entrada da quimioterapia. "Ele sabe que aquilo o manteve vivo", disse.

“Foi um momento muito marcante. Todo mundo começou a gritar o nome dele. Ele olhou com uma cara assim, de quem não estava acreditando. 'Nossa, é para mim que eles estão gritando?’ Ele ficou muito feliz, muito feliz”, agradeceu o goleiro.

(Aila Beatriz Inete, estagiária, sob supervisão de Pedro Cruz, coordenador do Núcleo de Esportes)

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES