Você Repórter

Com Mariana Azevedo e Wellyda Farias

Mande sua história ou denúncia e ela poderá ser transformada em notícia. Aqui é Jornalismo Colaborativo!

Feirante Cristina de Deus reclama de lixo e lama na feira da Terra Firme

Trabalhando há 30 anos com vendas de roupas na feira da Terra Firme, em Belém, Cristina de Deus, de 63 anos, reclama de lixo e lama no local

Mariana Azevedo

A feira da Terra Firme, em Belém, era pra ser um lugar limpo, principalmente por se tratar de um local que manuseia alimentos. Mas não é isso que vem ocorrendo, segundo denúncia da vendedora de roupas Cristina de Deus. Trabalhando há 30 anos com vendas de roupas na feira, ela reclama de lixo e lama no local.

O odor forte no local incomoda feirantes e clientes. "Sempre foi assim, não tem melhoria em nada. Ninguém olha para nós, estamos abandonados nesta feira. Essa situação já dura mais de 20 anos aqui. Estamos nesse abandono, muito lixo, muita coisa ruim, ninguém resolve nada, muito lixo mesmo", desabafa.

VEJA MAIS

image Feirante Ademir Souza lamenta falta de estrutura em feira no Barreiro
A falta de estrutura adequada virou motivo de reclamação na feira do Barreiro, na avenida Pedro Álvares Cabral, em Belém

Feirante Marlúcia Souza denuncia buraco na calçada de ponto de ônibus, em Belém
O buraco fica localizado na avenida Almirante Barroso, na calçada onde funciona uma parada de ônibus de fluxo intenso, no bairro do Marco. A denunciante relata sobre os perigos que a situação traz para os transeuntes

image Feirante Iraneide Nogueira reclama da demora na conclusão da obra na feira da Pedreira, em Belém
O atraso nas obras da Feira da Pedreira, em Belém, tem gerado bastante indignação por parte dos feirantes e consumidores. Segundo os feirantes, a obra era para ter sido entregue em dezembro do ano passado.

"Essa lama tem muita história, vem alguém e promete ajustar e nunca ninguém faz nada. A rua aqui não tem saneamento básico, não tem tubulação. Aqui perto tinha um esgoto e entupiu, estão todos entupidos esses esgotos, quando chove alaga tudo, fica horrível. Ninguém trabalha direito É gente subindo nos bancos para poder trabalhar e fica um lamaçal", afirma a feirante.

image Feirante Cristina de Deu (Reprodução | Bruno Macedo)

A feirante de 63 anos, lamenta que ela e outros trabalhadores tenham que ganhar seu sustento trabalhando em meio a um lamaçal. "Me sinto muito ruim trabalhando assim, pegando chuva, não temos ajuda de ninguém, não tem como trabalhar bem. Tem três anos que esta feira está assim, praticamente estamos abandonados e fica muito ruim mesmo", diz.

image Lama na Feira da Terra Firme (Reprodução | Bruno Macedo)

Cristina também tem medo das doenças que a falta de limpeza na feira pode causar. "Muitos urubus aqui, fica esse lixão, todo dia amanhece lixo aqui. "É gente jogando lixo direto aqui, não tem lugar para botar o lixo. Aí vem urubu, a gente fica com medo porque eles atacam até a gente, nossa situação está precária aqui na Terra Firme", lamenta.

Ciclus

A Ciclus Amazônia, empresa responsável pela coleta de resíduos sólidos na capital paraense, informou que iniciou o serviço de coleta de lixo, em linha com o planejamento definido para toda Belém, incluindo o bairro da Terra Firme. Nota da empresa afirma que, neste bairro, a coleta segue normalizada, e é realizada terça-feira, quinta-feira e sábado, a partir das 07h.

"A empresa pede que as pessoas utilizem os locais corretos para descarte de resíduos, a fim de evitar o acúmulo de lixo nas vias. Ressalta ainda que o bairro da Terra Firme recebe constantemente os trabalhos de educação ambiental desenvolvidos pela Ciclus Amazônia.", detalha a nota.

"A empresa reforça que já recolheu mais de 90 mil toneladas de resíduos das ruas de toda a cidade. Os serviços foram desenvolvidos, diariamente, nos períodos diurno, vespertino e noturno, por 2.150 colaboradores com o apoio de mais de 200 maquinários dedicados à coleta de lixo.", finaliza.

Já a Secretaria Municipal de Saneamento (Sesan) informou que os serviços de drenagem e recuperação asfáltica na via serão realizados após a conclusão da obra do Mercado Municipal da Terra Firme.

O projeto Você Repórter é uma iniciativa do Grupo Liberal, que busca reforçar a proximidade com os leitores e internautas, incentivando ainda mais o jornalismo colaborativo. Para participar das reportagens e conteúdos, compartilhando histórias, denúncias e sugestões de matérias com a redação de O Liberal, acesse www.oliberal.com/voce-reporter. Você também pode se conectar usando o QR Code ao lado ou pelo WhatsApp (91) 98565-7449. A equipe de reportagem irá checar as informações e publicar o conteúdo em todas as nossas plataformas.

(Com colaboração de Wellyda Farias)

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Você Repórter
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

OUTRAS NOTÍCIAS