EU REPÓRTER

Clique aqui e mande sua história ou denúncia e ela poderá ser transformada em notícia. Aqui é Jornalismo Colaborativo!

Em Benevides, estudantes e moradores reclamam da falta de ônibus

Segundo informações, há poucos ônibus circulando na região e a maioria apresenta problemas mecânicos no meio do trajeto

Vitória Reimão, com a colaboração da leitora Vitória de Lourdes
fonte

Estudantes e moradores do município de Benevides, reclamam sobre a falta de ônibus para seguir até a região metropolitana de Belém. Segundo informações da leitora e estudante Vitória de Lourdes, há poucos transportes da linha de Benevides. Para ir até a universidade, a denunciante precisa pegar quatro ônibus

"Há algum tempo a prefeitura informou que tinha contratado mais ônibus para a população, só que até hoje não vimos esses transportes. Os que circulam agora são os mesmos que estão dando prego no meio da viagem com pessoas super cansadas, exaustas do trabalho e da faculdade", disse Vitória.

A moradora da passagem Oscar de Souza Begot, contou que acorda às 4h para pegar um ônibus da linha Benevides São Brás, mas o transporte sempre vem lotado. Ela acrescentou que a maioria dos ônibus estão degradados, além de passar por problemas mecânicos no meio da viagem.

"O transporte está muito precário. Em menos de seis dias, três ônibus ficaram no prego. No sábado, um vidro da janela quebrou em cima de um passageiro que ficou com alguns cortes. Além disso, algumas cadeiras dos ônibus estão quebradas", contou Vitória.

VEJA MAIS: 

image Ônibus sofre problemas mecânicos e paralisa na Base Área de Belém
Segundo informações dos usuários que estavam no veículo, o transporte não recebeu revisão nem manutenção


image Moradores temem riscos de ponte deteriorada e abandonada em Capitão Poço
A ponte que está em péssimas condições é o único acesso para o vilarejo de Igarapé Grande


image Caminhões-baú estão há semanas no acostamento na cidade Nova 7, afirma denúncia
O risco de tombo dos veículos é grande, segundo moradores

Vitória também citou sobre a falta de um ônibus para realizar a linha até a Universidade Federal do Pará (UFPA), já que os estudantes que moram no município de Benevides precisam pegar mais de três ônibus por dia para chegar até a universidade. "Para voltar, só existe ônibus da linha UFPA Marituba. Para quem faz faculdade aqui, não há ônibus para ir à UFPA. Isso só mostra o descaso", desabafou. 

Em nota, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Belém (Setransbel) informou que o planejamento, a definição de linhas, sobre os percursos e quantitativos de veículos, são de competência do poder público, no qual sempre levam em consideração a demanda de passageiros. O órgão acrescentou que não possui registro sobre o suposto incidente. 

"Quanto ao estado de alguns veículos, o fato decorre das condições de conservação das ruas por onde os mesmos circulam, que causam impacto ainda maior nos ônibus, que medem cerca de 12 mts e quando vazios pesam, aproximadamente 17 toneladas, circulando em média 200 km por dia", disse o Setransbel. 

A Prefeitura de Benevides comunicou, em nota, que atualmente apenas duas empresa atua no transporte metropolitano, sendo que apenas uma está com limitações por conta de custos operacionais e do atual cenário econômico das empresas de transporte coletivo.

"Embora o Município de Benevides esteja subsidiando para não interromper o serviço, a empresa ainda não está conseguindo manter uma regularidade no atendimento", disse o o órgão municipal. 

"A gestão municipal já contactou outras empresas de Belém e região metropolitana para prestar os serviços, mas a prefeitura ainda não teve o retorno desejado. Sobre a denúncia em questão, o caso será apurado junto à empresa e as medidas cabíveis serão tomadas", informou a Prefeitura. 

O projeto Eu Repórter é uma iniciativa que busca reforçar a proximidade com os leitores e internautas, incentivando ainda mais o jornalismo colaborativo. Para participar das reportagens e conteúdos, compartilhando histórias, denúncias e sugestões de matérias com a redação de O Liberal, basta acessar o site eureporter.grupoliberal.com ou enviar suas informações para o Whatsapp (91) 98565-7449, onde será iniciada uma conversa diretamente com repórteres da redação. A denúncia pode ser feita de forma anônima.

(Vitória Reimão, estagiária sob supervisão de Mariana Azevedo)

Eu Repórter
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS NOTICIAS EUREPORTER