Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Em Ananindeua, idosos e imunossuprimidos de 59 anos ou mais tomam a 3ª dose nesta sexta

A aplicação da dose de reforço será das 8h30 às 13h30, em dez pontos

João Thiago Dias

Nesta sexta-feira (22), a Prefeitura de Ananindeua, na Região metropolitana de Belém, segue o calendário vacinal anticovid-19 com a 3ª dose (dose de reforço) para idosos e pessoas imunossuprimidas de 59 anos ou mais. Os documentos necessários são RG, CPF ou Cartão SUS e a carteirinha de vacinação utilizada nas duas primeiras doses. Das 8h30 às 13h30, em dez pontos.

Locais: Igreja Quadrangular Labaredas de Fogo - Cidade Nova 2; Igreja Catedral da Fé - Distrito Industrial; UBS Jaderlândia; Igreja Universal - Aurá; Paróquia Nossa Senhora do Amparo - Cidade Nova 8; Igreja Universal - Águas Lindas; Assembleia de Deus - Maguari; Paróquia Cristo Rei – Guanabara; UBS Paar; e Rotary Club de Ananindeua - Cidade Nova 2.

"De acordo com a nota técnica nº 27/2021, emitida pelo Ministério da Saúde (MS), o imunizante utilizado na 3ª dose será o da Pfizer e deverá ser aplicado em pessoas que tenham um intervalo mínimo de 6 meses após a 2ª dose", explicou a Secretaria Municipal de Saúde de Ananindeua (Sesau).

Balanço

Nesta quinta-feira (21), Ananindeua aplicou a 2ª dose da vacina Coronavac em jovens de 18 a 23 anos sem comorbidades. Desde janeiro até esta quinta, o município já aplicou 581.573 doses de anticovid-19. Ao todo, 331.812 pessoas tomaram a 1ª dose e 227.272 tomaram a 2ª dose. Também houve a aplicação de 22.489 doses de reforço.

Imunossupressão

•    Imunodeficiência primária grave.
•    Quimioterapia para câncer.
•    Transplantados de órgão sólido ou de células-tronco hematopoéticas (TCTH) em uso de drogas imunossupressoras.
•    Pessoas vivendo com HIV/Aids com CD4 <200 céls/mm3.
•    Uso de corticoides em doses ≥20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por ≥14 dias.
•    Uso de drogas modificadoras da resposta imune (vide tabela 1).
•    Pacientes em hemodiálise.
•    Pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas (reumatológicas, auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias).
•    Para os indivíduos com alto grau de imunossupressão o intervalo para a dose de reforço deverá ser de 28 dias após a última dose do esquema básico.

Ananindeua
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS DE ANANINDEUA

MAIS LIDAS EM ANANINDEUA