Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Ananindeua: mulher morre em acidente de trânsito um mês antes de seu aniversário

A Polícia Científica do Pará (PCP) foi acionada para atender à ocorrência no começo da manhã desta segunda-feira

João Paulo Jussara

Um descuido no trânsito causou um grave acidente que deixou uma pessoa morta na manhã desta segunda-feira (4), no bairro do Paar, em Ananindeua. A vítima, a doméstica Márcia Cristina Corrêa Silva, de 37 anos, estava na garupa de uma motocicleta que colidiu com a traseira de um caminhão. Ela bateu a cabeça e morreu na hora, sem chance de ser socorrida. Márcia faria aniversário no próximo dia 11 de maio.

Policiais militares do 29º Batalhão de Polícia Militar (29º BPM) informaram que o acidente aconteceu por volta das 6h50, no cruzamento da travessa Rio Amazonas com a passagem Bragança. O namorado de Márcia vinha conduzindo a motocicleta, uma Honda preta, quando teria avançado a preferencial e colidido com a traseira de um caminhão. Ele sofreu apenas ferimentos leves.

LEIA MAIS

Manifestação pede justiça para vítimas de atropelamentos; motorista estava embriagado Caso ocorreu no último dia 20 de março. O suspeito já tinha histórico de envolvimento em crimes de trânsito

Belém é a 12ª capital em multas de trânsito e gera 30 infrações por hora Falta da agentes de Trânsito é um dos agravantes no Pará, diz especialista

Belém tem mais de 27 mil multas de trânsito no início de 2022 Entre os meses de janeiro e fevereiro de 2022, os três tipos de infrações mais registrados até agora foram excesso de velocidade, avançar sinal vermelho e transitar em faixa exclusiva

Cabos de semáforos e de radares: furtos aumentam em Belém, revela Semob Ação de vândalos coloca em risco a segurança da população no trânsito

Trânsito no Pará: não usar cinto resultou em 4,9 mil infrações no estado em 2021 Assunto veio à tona depois de acidente com ex-BBB Rodrigo Mussi, que estava sem cinto no banco traseiro

O motorista do caminhão, Paulo Roberto de Araújo Viana, ficou no local e ainda tentou prestar socorro à vítima, mas ela não resistiu. Ele confirmou os relatos passados por testemunhas aos policiais e disse que a motocicleta avançou a preferencial. "Eu vinha descendo e quando eu olhei pro lado direito, porque o pessoal atravessa sem olhar, a moto já tava em cima do caminhão. Eu dei uma freada, foi que ele pegou no para-choque e ainda levou a placa", contou.

Colisão aconteceu no cruzamento da travessa Rio Amazonas com a passagem Bragança, no bairro do Paar (João Paulo Jussara/ O Liberal)

Peritos da Polícia Científica do Pará (PCP) foram acionados e removeram o corpo por volta das 9h. "Ela sofreu uma lesão na cabeça e outra na perna direita. Na perna houve um dilaceramento e, na cabeça, uma lesão corto-contusa profunda, que realmente não daria qualquer chance de sobreviver. Ela bateu a cabeça na parede do prédio comercial", explicou o perito Ivanildo Rodrigues.

Márcia trabalhava como empregada doméstica e deixou três filhos. O motorista do caminhão e o condutor da motocicleta foram conduzidos à delegacia para prestar esclarecimentos e realizar o teste do etilômetro. O corpo da vítima foi removido para o Instituto Médico Legal (IML), de onde será liberado para sepultamento após os exames necroscópicos.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA