Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

EU REPÓRTER

Clique aqui e mande sua história ou denúncia e ela poderá ser transformada em notícia. Aqui é Jornalismo Colaborativo!

Tentativas de assalto e acidentes são constantes em trecho da Augusto Montenegro

Moradores também reclamam das más condições da parada de ônibus e falta de sinalização

Vitória Reimão

O trecho em frente ao condomínio Jardim Maricá, na Avenida Augusto Montenegro, apresenta vários problemas com relação a sinalização e falta de segurança. De acordo com a denúncia anônima encaminhada a equipe do Eu Repórter, estão ocorrendo vários atropelamentos, além dos assaltos frequentes por causa da localidade ser soturna e de não haver monitoramento da polícia. 

Esta localidade é uma área que compreende cinco condomínios, e, por isso há uma alta circulação de pessoas e moradores da região. Eles realtam estarem com medo de transitar no local devido aos problemas recorrentes, como as várias tentativas de assalto. "Outro problema é a má condição da parada de ônibus. Praticamente, a parada fica a um palmo da rodovia", disse o denunciante anônimo.

VEJA MAIS

Moradores da passagem São José sofrem com condições ruins da via pública
Nesta segunda-feira (22), a prefeitura colocou aterro no local, mas houve discussão entre os moradores

Elevadores do PSM da 14 não estão funcionando, afirmam pacientes
Pacientes precisam realizar exames e tratamentos em outros hospitais já que deslocamento está limitado na unidade

A parada de ônibus não possui estrutura adequada, além de não haver sinalização como faixa de pedestre ou semáforos. "Só neste ano vimos várias pessoas sendo atropeladas por aqui. Os pedestres, quando precisam ir para parada, atravessam a rodovia com risco, além da área ficar em uma curva perigosa e sinuosa, em que os carros já vêm em alta velocidade. Não há sequer um limitador de velocidade", afirmou o denunciante.

"Por se tratar de um local inseguro e de baixa luminosidade, pedimos com extrema necessidade a faixa de pedestre ou semáforo. Parece que estamos abandonados pelo poder público. Entramos em contato com os órgãos competentes várias vezes e nunca obtivemos retorno", finalizou.

A Secretaria Municipal de Urbanismo (Seurb) informou que já está tomando medidas sobre a questão da sinalização, por meio das obras de urbanização iniciadas em junho, na Av. Augusto Montenegro, nas proximidades do Terminal do BRT do Maracacuera, no distrito de Icoaraci.

Flanelinhas cobram até R$30 por estacionamento no bairro de Nazaré
Cones, madeiras e pedaços de concreto são deixados em vagas para que motoristas que não pagam evitem de estacionar

Usuários denunciam problemas nas linhas de ônibus Cidade Nova 8 e Guajará-São Brás
Serviço registra atrasos, redução do número de veículos e demora na espera dos passageiros nas paradas, o que aumenta o risco de assaltos

"No momento, são feitos os serviços de drenagem profunda na via, mas o projeto visa também a troca da malha asfáltica, construção de ciclovias, calçadas com acessibilidade, novas instalações de abrigos de ônibus, nova sinalização, modernização da iluminação pública e paisagismo completo", disse o comunicado da Seurb que ainda acrescentou que as obras serão concluídas em junho de 2024 e as intervenções para a urbanização vão ocorrer ao longo de 20 quilômetros (ida e vinda) da Augusto Montenegro.

A reportagem solicitou nota para Polícia Militar do Pará, pedindo esclarecimentos e possíveis medidas contra a falta de segurança da região. Até o fechamento da matéria, não houve retorno.

O projeto Eu Repórter é uma iniciativa que busca reforçar a proximidade com os leitores e internautas, incentivando ainda mais o jornalismo colaborativo. Para participar das reportagens e conteúdos, compartilhando histórias, denúncias e sugestões de matérias com a redação de O Liberal, basta acessar o site https://eureporter.grupoliberal.com/ ou enviar suas informações para o Whatsapp (91) 98565-7449, onde será iniciada uma conversa diretamente com repórteres da redação. A denúncia pode ser feita de forma anônima.
 
(Vitória Reimão, estagiária sob supervisão da jornalista Mariana Azevedo)

Eu Repórter
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS