EU REPÓRTER

Clique aqui e mande sua história ou denúncia e ela poderá ser transformada em notícia. Aqui é Jornalismo Colaborativo!

Problemas de saneamento são recorrentes na rua Olímpia, afirmam moradores

No dia 11 de novembro, houve o despejo de materiais pastosos nos buracos da passagem

Vitória Reimão

Moradores da rua Olímpia, localizada no bairro da Cabanagem, em Belém, reclamam da falta de saneamento básico que faz a comunidade sofrer diariamente. Segundo informações anônimas, houve despejo de restos de construção nos buracos da passagem, no qual continham um tipo de material pastoso e argiloso. A comunidade afirma que o material é prejudicial à saúde.

"Creio que o despejo do material foi feito em uma tentativa de amenizar a situação dos buracos na rua, porém o material utilizado foi de péssima qualidade", contou o denunciante anônimo. 

De acordo com os residentes da passagem, a rua passa por muitos transtornos como valas e esgotos a céu aberto, ratos invadindo as casas, além das poças d'água que se formam nos tempos chuvosos. 

VEJA MAIS:

Banheiro improvisado por donos de estabelecimento é colocado em praça na Terra Firme
Denúncias afirmam que os clientes fazem as necessidades fisiológicas no chão; Seurb diz que irá verificar a denúncia


Moradores reclamam da falta de sinalização e imprudência de condutores na avenida Centenário
No dia 16 de outubro, ocorreu um acidente na avenida. Moradores afirmam que não há fiscalização nem sinalização na via


Rua Jiboia Branca, em Ananindeua, está cheia de buracos, lixo e mato, afirmam moradores
Passagem está há anos sem manutenção de saneamento e pavimentação

"Os buracos se acumulam nesta área, grandes poças d'água se formam aqui. Somos obrigados a sofrer com o descaso", disse o denunciante. 

De acordo com o denunciante, as manutenções feitas ao longo dos anos foram despejos de aterro, como barro na rua para amenizar as depressões causadas por chuvas e serviços de capinagem. "Mas, isso foi feito apenas ao longo dos anos. A informação que corre pelo bairro é de que já foram efetuados trabalhos de saneamento na rua, inclusive asfalto, mas a realidade prova o contrário", detalhou. 

Em nota, a Secretaria Municipal de Saneamento (Sesan) informou que não tem responsabilidade sobre despejo de materiais por moradores ou terceiros, mas acrescentou que será realizada a verificação no local a respeito do tipo de material para que, assim, seja feita a retirada.

"O órgão municipal de Saneamento informa também que disponibiliza o Zap-Entulho, serviço gratuito, que recolhe até um metro cúbico de resíduos por residência. O serviço pode ser solicitado, exclusivamente, por meio de mensagem no WhatsApp: 91 98499-0059. Vale ressalta que, de acordo com a Lei 9.605, artigo 54, o descarte irregular e indiscriminado de entulhos é crime ambiental, com pena até cinco anos de reclusão para os responsáveis pelo ato", comunicou o órgão.

O projeto Eu Repórter é uma iniciativa que busca reforçar a proximidade com os leitores e internautas, incentivando ainda mais o jornalismo colaborativo. Para participar das reportagens e conteúdos, compartilhando histórias, denúncias e sugestões de matérias com a redação de O Liberal, basta acessar o site eureporter.grupoliberal.com ou enviar suas informações para o Whatsapp (91) 98565-7449, onde será iniciada uma conversa diretamente com repórteres da redação. A denúncia pode ser feita de forma anônima.

(Vitória Reimão, estagiária sob supervisão de Mariana Azevedo)

Eu Repórter
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS