Árbitro Marco José Soares de Almeida é inocentado de suposta manipulação de resultado na Segundinha

O árbitro foi afastado do quadro de arbitragem da Federação Paraense de Futebol (FPF) por suspeita de manipulação de jogo na Segundinha do Parazão

Fábio Will
fonte

Após ser afastado do quadro da Federação Paraense de Futebol (FPF), sob acusação de manipulação de resultado nas quartas de finais da Segundinha do Parazão deste ano, o árbitro Marco José Soares de Almeida foi inocentado por um jornalista que está envolvido no caso e que prestou depoimento à Polícia. A informação foi conformada por Gustavo Ramos Melo, advogado de Marco José Soares.

Ouvido pela equipe de O Liberal, o advogado informou que o jornalista prestou depoimento na Divisão de Investigação e Operações Especiais (DIOE) e que inocentou Marco José Soares de Almeida. Agora, Gustavo Ramos aguarda o laudo pericial do áudio que consta no processo, para solicitar a inclusão de Marco José ao quadro de arbitragem da FPF.

VEJA MAIS

image FPF define datas, horários e locais das finais da Segundinha entre São Francisco e Cametá; veja mais
A disputa pelo título será em dois jogos em Belém e Cametá; os finalistas garantem vaga na Série A do Parazão 2023

image Parazão: Clubes do interior comentam novo formato de disputa para 2023; veja
Bragantino, Tapajós e Águia de Marabá divergem sobre os benefícios do novo formato que será adotado na edição do ano que vem

image Presidente da FPF diz que negocia transmissão das partidas da final da Segundinha 2022
Por conta disso, ao contrário do que ocorreu em 2021, torneio desse ano não terá decisão em jogo único. 

“Nós tivemos o depoimento do jornalista na DIOE, em que ele eximiu o árbitro Marco José Soares de Almeida de qualquer culpa no caso. Ele afirmou que nunca conversou com ele e o áudio e o print apresentados pelo Vila Rica à FPF foi uma montagem. Ficou claro no depoimento que o Marco José Soares foi vítima”, disse o advogado.

O laudo do Instituto Médico Legal (IML) deve sair nesta semana. Assim que estiver de posse do documento, o advogado de Marco José buscará a FPF para tentar o retorno do cliente ao quadro da Federação. “Estamos peticionando junto à FPF o arquivamento do processo, pois agora não há motivos para que sele seja punido. Ainda aguardamos o laudo do IML do áudio, para anexar ao documento”, finalizou.

Remo
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM REMO

MAIS LIDAS EM ESPORTES