Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Paysandu: médico detalha contusões de jogadores e meia Serginho pode voltar contra o Botafogo-SP

Médico Edilson Andrade citou também os retornos antes do prazo de João Paulo e Danrlei ao elenco alviceleste

Fabio Will

O Paysandu tropeçou jogando em Paragominas ao empatar em 1 a 1 contra o Ypiranga-RS, pela quarta rodada da Série C. O Papão acabou saindo do G8 e após a partida o técnico Márcio Fernandes falou da falta de opções no elenco. Atualmente o Paysandu conta com quatro jogadores no departamento médico. O doutor Edilson Andrade, médico bicolor, fez uma análise das situações dos jogadores e o meia Serginho pode retornar nesta rodada.

Assista à entrevista a partir de 15min40s:

Whatsapp: saiba tudo sobre o Paysandu. Recêêêba!

No programa “Giro Bicolor”, feito pela PapãoTV, o médico alvicleste falou da situação do meia Serginho, que se lesionou na véspera da estreia do Paysandu na Série C do Brasileiro, mas que hoje já está realizando a transição e pode ser uma das opções do técnico Márcio Fernandes.

“Ele sentiu a coxa esquerda na véspera da estreia. Já está em transição, entrou no último final de semana, passou o domingo fazendo trabalho n a Curuzu e ele está totalmente sem queixas, agora só depende da parte física e esperamos tê-lo inteiro no final desta semana para o jogo contra o Botafogo-SP”, falou, Edilson Andrade.

VEJA MAIS

Volante do Paysandu passa por cirurgia para reconstituir ligamentos do joelho e só volta a jogar em 2023
Procedimento realizado pelos médicos do Papão em um hospital particular de Belém foi considerado bem-sucedido

Após sentir dores no tórax, Ricardinho diz que esteve na UTI: 'tomando remédios mais fortes'; vídeo
Médicos consultados pelo O Liberal dizem que nota do Paysandu sobre o estado de saúdo do atleta é inconclusivo.

Médico questiona prazo apresentado pelo Paysandu e diz que Ricardinho pode ficar até um ano sem jogar
Especialista analisou o caso com base na natureza da lesão e casos similares no meio do esporte. Jogador teve ruptura parcial do tendão de Aquiles.

Serginho poderá ser a novidade entre os relacionados do técnico Márcio Fernandes para o jogo contra o Botafogo-SP (John Wesley/Paysandu)

Robinho

Outro que está em tratamento é o atacante Robinho, de 27 anos, que se machucou na partida contra o Mirassol-SP. O médico do Papão falou sobre a contusão, os cuidados que o DM alvicleste possui para que o atleta não volte a sentir a lesão e deu um prazo para o retorno do jogador.

“Ele teve um estiramento na posterior da coxa esquerda. É um atleta de explosão, que joga pelos lados de campo, tem uma exposição maior quanto a isso, tentamos fazer a prevenção, mas sabemos que atletas de alto rendimento ficam no limite para lesionar. A lesão está em fase de cicatrização e existe um período biológico a ser respeitado, mas temos que contar com a biologia do tecido estar bem cicatrizado, para o atleta não ‘bater e voltar’. Esperamos ter o Robinho à disposição para o jogo contra o São José-RS e que ele consiga desenvolver a melhor performance, apesar de o atleta que já teve uma lesão muscular, ter muito mais chance de ter uma nova lesão do que o atleta que nunca teve, e aí os cuidados são redobrados”, falou, o médico bicolor.

Robinho já iniciou a transição (John Wesley / Paysandu)

Casos cirúrgicos

O Papão têm dois jogadores que passaram por cirurgia recentemente. O meia Ricardinho, com uma cirurgia no tendão do calcanhar. O meia também teve problemas respiratórios com dores no peito, após um trombo venoso na panturrilha esquerda, que o levou à UTI de um hospital particular de Belém. Ricardinho já recebeu alta médica e está em casa e deve retornar à fisioterapia nesta semana ao clube. O tempo de recuperação de Ricardinho pode levar de quatro a seis meses.

Ricardinho estava internado na UTI, mas já recebeu alta (Jorge Luís Totti / Ascom Paysandu)

Já o volante Bileu realizou uma cirurgia no último final de semana para reconstruir os ligamentos do joelho direito. O Paysandu emitiu nota e informou que Bileu não deve retornar aos gramados neste ano.

Bileu passou por cirurgia no joelho e não joga mais pelo Paysandu em 2022 (John Wesley/Paysandu)

Dois retornos

O Paysandu ficou sem dois atletas nas finais do Parazão e também três jogos do Campeonato Brasileiro, mas contra o Ypiranga, na última rodada, João Paulo e Danrlei retornaram e puderam jogar e isso foi bastante comemorado pelos membros do DM, afirma o médico Edilson Andrade.

“Eles dependem basicamente da parte física e chamamos isso de período de transição, ficam com o preparador físico e fisioterapeuta para que o processo seja cuidadoso e que eles não voltem a lesionar. Eles são atletas que confiam no trabalho, o João Paulo teve uma fratura no dedão do pé contra o Águia (semifinal do Parazão) e conseguimos colocá-lo em condições de jogo para o primeiro jogo da final, depois conversamos com o Márcio Fernandes e a previsão de retorno era de quatro semanas, mas devido ao esforço do departamento e com três semanas estava com a lesão cicatrizada e por isso foi liberado. O Danrlei foi similar, não teve queixa nenhuma após o jogo”, finalizou.

Paysandu
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM PAYSANDU

MAIS LIDAS EM ESPORTES