Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Após vitória no LFA, paraense ‘Mel Pitbull’, vive expectativa por uma chance no UFC

Lutadora venceu a carioca Amanda Torres no evento que ocorreu em São Paulo, no último dia 15 de julho

Aila Beatriz Inete

A paraense Edianna Meel Silva, a Mel Pitbull, venceu a carioca Amanda Torres no LFA (Legacy Fighting Alliance) do último dia 15 de julho, em São Paulo. Esta é a sétima vitória seguida da atleta do peso-palha e a primeira em um evento internacional. Agora, a lutadora, que é natural de Benevides, vive a expectativa de ter uma chance no UFC.  

“Essa vitória foi um passo muito importante na minha carreira e eu estou muito feliz. As expectativas são grandes, mas o que Deus colocar para mim eu vou aceitar. Nós, atletas que vêm lá de baixo, estamos sempre preparados para o tempo ruim e bom. Já voltei a treinar e estou esperando uma oportunidade maior, se Deus quiser, é o UFC”, declarou a paraense. 

Mel venceu Amanda Torres por decisão unânime após três rounds de luta. A paraense conseguiu anular o jogo da carioca e manteve a luta em pé. Assim, a atleta conseguiu colocar o seu boxe afiado em prática e acertou bons golpes na adversária. 

VEJA MAIS 

Aposta do MMA paraense, ‘Mel Pitbull’ luta no LFA nesta sexta-feira (15) com o foco no UFC
De Benevides, a lutadora faz a luta mais importante da sua carreira em um dos maiores eventos de MMA do mundo

Em busca de um contrato com o UFC, paraense Rayanne Amanda se prepara para lutar no ‘Contender Series’
Lutadora enfrenta outra brasileira no evento em agosto deste ano

Depois de vitória sobre norte-americana, Amanda Lemos deve encarar Marina Rodriguez no UFC 280
Combate pode ser uma briga direta para definir a próxima desafiante ao cinturão da categoria

Mel Pitbull é uma straiker e tem a base no boxe. Ela começou no esporte no boxe, no projeto social do Mestre Pedra, na Cova dos Leões. Além disso, em preparação para este combate no LFA, a atleta teve o apoio de outra lutadora paraense: Rayanne Amanda, especialista no jiu-jitsu e que está com luta marcada no Contender Series, do UFC. 

“Eu dedico essa vitória para a minha mãe e foi muito gratificante porque só quem estava do meu lado sabe o quanto eu batalhei. Só agradecer ao Mestre Pedra que sempre esteve na minha caminhada e ao mestre Marcelo, que agora é meu empresário, e a Rayanne Amanda pelo apoio”, ressaltou Mel. 

Com apenas 20 anos, a paraense tem um cartel com 12 vitórias e apenas duas derrotas.  O LFA é uma das portas de entrada para o UFC e com a vitória no evento, Mel Pitbull fica bem posicionada para tentar uma vaga na organização. 

(Aila Beatriz Inete, estagiária, sob supervisão de Pedro Cruz, coordenador do Núcleo de Esportes)

Mais Esportes
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM MAIS ESPORTES

MAIS LIDAS EM ESPORTES