Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Re-Pa terá segurança de 400 policiais militares nos arredores da Curuzu

Esquema de segurança do clássico foi definido após reunião entre órgãos de segurança do estado. Jogo começa a partir das 20 horas, na Curuzu

Luiz Guilherme Ramos

Está tudo pronto para mais uma partida da grande final do Campeonato Paraense. Depois de um primeiro duelo emocionante, com vitória do Remo por 3 a 0, a equipe azulina e o Paysandu voltam a campo para os 90 minutos finais de um campeonato marcado dentro e fora de campo. Os órgãos de segurança do Estado reuniram-se nesta segunda-feira (4), para providenciar o esquema de segurança da partida. 

VEJA MAIS

Relembre a última goleada do Paysandu sobre o Remo, no Campeonato Paraense; vídeo
Caso o Papão vença o jogo de quarta-feira (6), às 20h, na Curuzu, pelo mesmo placar, a partida vai para os pênaltis

Com vantagem azulina, Paysandu e Remo fazem segundo jogo da final do Parazão 2022; veja
Primeiro encontro entre Remo e Paysandu foi vencido pelo Remo por 3 a 0. Bicolores têm mais 90 minutos para reverter placar e conquistar o tricampeonato

'Vamos conseguir reverter', garante meia do Paysandu sobre 3 a 0 para o Remo
Depois de ter sido surpreendido com notícia de que teria tentado deixar o clube, Ricardinho comenta goleada e frustrações extracampo

O encontro aconteceu na sede da Secretaria de Segurança Pública (SEGUP), e contou com a presença da Sespa, Sesma, Detran, Semob, Ministério Público, clubes e Federação Paraense de Futebol (FPF). De acordo com o coronel Cláudio Santos, do departamento de segurança da entidade, ficou acertado que a Polícia Militar vai atuar com 400 policiais militares, somente no entorno do estádio da Curuzu

Já o Ministério Público informou que vai atuar em conjunto com os demais órgão de segurança. E, de acordo com a Comissão de Futebol do órgão, o MP disponibilizará vários serviços para atuar na prevenção de incidentes envolvendo torcedores, bem como os acessos ao estádio. 

VEJA MAIS

Enquete: Internautas não acreditam que Paysandu reverterá placar de 3 a 0 diante do Remo
Leão e Papão fazem a final do Parazão nesta quarta-feira (6), às 20h, na Curuzu

Apesar de vantagem contra o Paysandu, torcedores do Remo pedem Leão sem 'se acovardar'; vídeo
Leão tenta assegurar o título paraense amanhã (6), às 20h, na Curuzu, casa do maior rival

“No Ministério Público, nós temos promotorias de segurança pública, temos o Centro de Apoio Operacional, que visa a segurança pública e temos a comissão de prevenção à violência nos estádios de futebol. Todos esses três órgãos internos atuam juntos aos órgãos de segurança pública do estado, Polícia Militar, Polícia Civil, Guarda Municipal, Detran, dentre outros. Todos trabalham em conjunto para tentar evitar esse tipo de confronto entre torcidas. Inclusive o próprio poder judiciário”, ressalta. 

Todos os departamentos que envolvem a segurança no estádio foram envolvidos para evitar que momentos de instabilidade, como o ocorrido no acesso dos torcedores do Remo no primeiro jogo, ocorram minutos antes do espetáculo, bem como nas dependências do estádio da Curuzu, que receberá apenas a torcida bicolor, como determina a regra de torcida única entre os clubes. 

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES