CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X

Corinthians anuncia Ramón Díaz como novo técnico para evitar queda para Série B; vídeo

O argentino de 64 anos chega acompanhado do auxiliar e filho Emiliano Díaz

Estadão Conteúdo
fonte

O Corinthians anunciou nesta quarta-feira, o novo treinador para a sequência da temporada. Trata-se do argentino Ramón Díaz, de 64 anos. Acompanhado do auxiliar e filho Emiliano Díaz, o experiente treinador chega ao Parque São Jorge com a missão de livrar o clube do rebaixamento à Série B.

O contrato do treinador é válido até 31 de dezembro de 2025. Também chegam para compor a comissão técnica o auxiliar Juan Romanazzi, o preparador físico Diego Pereira e o analista de desempenho Damian Paz.

A situação não é novidade para Ramón Díaz. No ano passado, o argentino assumiu o Vasco na penúltima colocação - a mesma posição que ocupa o Corinthians - e manteve a equipe carioca na elite nacional.

VEJA MAIS

image Torcida do Corinthians volta a protestar no CT do clube: ‘Acabou a paciência’
Muros do Estádio do time foram pichados e faixas estendidas no Centro de Treinamento do clube paulista

image Acidente com van de torcedores do Corinthians deixa três mortos no Espírito Santo
Segundo as informações, os torcedores retornavam da partida entre o Timão e o Cruzeiro

image Jogadores do Corinthians se envolvem em confusão após acidente de carro em São Paulo
Carlos Miguel e Pedro Henrique, segundo boletim de ocorrência, ameaçaram dono de residência atingida por motorista embriagado

O ciclo de Ramón Díaz no Vasco chegou ao fim no dia 27 de abril, depois da goleada sofrida para o Criciúma, por 4 a 0, em São Januário, na 4ª rodada do Brasileirão. Dias antes, o treinador havia se envolvido em polêmica ao fazer uma declaração machista após a derrota para o Red Bull Bragantino.

"Com respeito aos árbitros, não podemos falar muito. Na última partida, o VAR foi uma senhorita, uma mulher, e foi pênalti. Me parece complicado que no VAR quem tenha que decidir seja uma mulher. Porque o futebol é tão dinâmico, com ações tão rápidas. Hoje não sei se o árbitro também não viu o lance, que me pareceu pênalti", disparou Ramón Díaz, reclamando da arbitragem do jogo anterior, contra o Grêmio.

Após a repercussão negativa, o treinador pediu desculpas, mas disse ter sido mal interpretado: "Me pareceu que o que eu quis dizer é que uma só pessoa não pode tomar uma decisão tão importante como é a participação do VAR no futebol".

Além do Vasco, o argentino comandou Al Hilal, Al-Nasr, Independiente, San Lorenzo, San Lorenzo e seleção paraguaia, de 2014 a 2016. Sua conquista mais importante foi a Copa Libertadores de 1996, pelo River Plate.

No Corinthians, ele vai substituir António Oliveira, demitido na última terça-feira, um dia depois da derrota para o Palmeiras, por 2 a 0, no Allianz Parque. Fábio Carille, atualmente no Santos, era a primeira opção, mas não houve acerto.

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Futebol
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES