Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Economia circular é alternativa para reduzir consumo e desperdício; conheça

Ela visa ao redesenho de processos, produtos e novos modelos de negócio e a otimização da utilização de recursos

Elisa Vaz

A economia circular é um conceito estratégico que foca na redução, reutilização, recuperação e reciclagem de materiais e energia.

Visto como um elemento chave para promover a dissociação entre o crescimento econômico e o aumento no consumo de recursos, esse modelo substitui a ideia de fim-de-vida da economia linear por novos fluxos circulares, em um processo integrado.

Exemplos: como funciona a economia circular?

Para que o leitor entenda melhor como funciona esse modelo, segue o exemplo do plástico. Ele demora centenas de anos para se decompor.

Em vez de jogar uma garrafa feita com esse material fora após consumir uma bebida, a economia circular faz com que seja redirecionado para uma nova função, como para armazenar outro líquido. Essa ação pode beneficiar trabalhadores que atuem com esses produtos armazenados.

Caso isso não seja possível, a garrafa pode ser enviada para conserto ou reciclagem, mantendo o item na dinâmica de consumo, mas sem poluir o meio ambiente. Assim, é beneficiada uma outra camada de trabalhadores, como os catadores e as cooperativas.

Mais insumos frequentemente descartados após o uso também podem passar por isso, como:

  • Vidro - chega a demorar um milhão de anos para se decompor
  • Latas de alumínio - demoram de 200 a 500 anos
  • Embalagens de papel - levam de três a seis meses para desaparecer no meio ambiente

Leia mais: Reciclagem de latinhas ajuda a natureza e é renda no bolso

Leia mais: Reciclagem é solução para gestão do lixo das grandes cidades

Leia mais: Resíduos domiciliares ajudam cooperativas de Belém a seguir trabalhando

 

Desenvolvimento na economia circular

A ideia se inspira nos mecanismos dos ecossistemas naturais. Eles geram recursos a longo prazo em um processo contínuo de reabsorção e reciclagem, promovendo um modelo econômico reorganizado por meio da coordenação dos sistemas de produção e consumo em circuitos fechados.

A economia circular, então, visa a uma ação bem ampla, desde o redesenho de processos, produtos e novos modelos de negócio até a otimização da utilização de recursos.

Ela busca o desenvolvimento de novos produtos e serviços economicamente viáveis e ecologicamente eficientes.

E o atual cenário mundial tem resultado na necessidade de se adotar um sistema mais sustentável e uma economia mais verde, e esse novo modelo econômico é defendido como uma alternativa para minimizar consumos de materiais e perdas de energia.

  • Confira outros textos da série:

Entenda o que é o modelo de economia criativa

Economia solidária: entenda o que é e como funciona

 

Palavras-chave

Economia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ECONOMIA

MAIS LIDAS EM ECONOMIA