Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Aprenda a fazer filhote em crosta de farinha d'água com taperebá

Receita é do chef paraense Paulo Martins

Heloá Canali

Um dos peixes mais deliciosos do Pará é o filhote... De tamanho inversamente proporcional ao seu nome, o bicho é além de enorme, muito gostoso e muito famoso por suas misturas com tucupi e jambu. Dessa vez, além de empanado, ele foi posto com junto ao taperebá, fornecendo um gostinho único ao prato.

A receita é do chef paraense Paulo Martins e promete te surpreender. Confira:

Ingredientes para o filhote em crosta de farinha d'água com taperebá

Para o peixe:

  • 4 postas de filhote (150 gramas cada) 
  • 50 gramas de aviú
  • 200 gramas de farinha para farofa
  • 250 ml de azeite extra virgem
  • Temperos verdes (alfavaca, chicória, cheiro verde, cebolinha e salsa) a gosto

Para o vinha-d’alho

  • 1 limão
  • 2 dentes de alho
  • Sal e azeite  a gosto
  • 100 ml de vinho branco
  • 1 pimenta-de-cheiro

Para o arroz de salsa

  • 2 dentes de alho
  • 20 gramas de cebola
  • Salsa a gosto
  • Azeite a gosto
  • 50 gramas de manteiga
  • 250 gramas de arroz

Para o molho de taperebá e carambola

  • 2 dentes de alho
  • 20 gramas de cebola
  • 40 gramas de manteiga
  • 250 ml de polpa de taperebá 
  • 50 ml de vinho branco seco
  • 2 carambolas fatiadas como estrelas
  • Açúcar a gosto
  • Sal e molho inglês a gosto
Filhote em crosta com taperebá (Renato Chalu)

Modo de preparo do peixe

  1. Levar as postas do filhote em água com limão. 
  2. Fazer a vinha d’alhos com todos os ingredientes, corrigir o sal e a acidez, colocar as postas do peixe para tomar gosto por 30 minutos.
  3. Bater no liquidificador o aviú e misturá-lo com a farinha.
  4. Secar levemente o filhote, em papel absorvente, deixando um lado bem úmido, que deve ser passado na mistura de farinha de aviú.
  5. Em frigideira antiaderente, com um pouco de azeite, fritar as postas, primeiro com o lado enfarinhado para baixo. 
  6. Esperar dourar e virar a posta, para selar os demais lados.
  7. Reservar o peixe, aquecido com recipiente forrado com papel absorvente.

Preparo do molho de taperebá e carambola

  1. Refogar o alho e a cebola bem picado em uma panela com manteiga.
  2. Quando começar a dourar, acrescentar a polpa de taperebá.
  3. Cozinhar por cinco minutos e juntar o vinho branco.
  4. Colocar  sal, corrigir a acidez com açúcar, acrescentar a carambola fatiada e cozinhar por mais três minutos.
  5. Manter o molho aquecido.

Preparo do arroz de salsa

  1. Fazer  arroz com alho e cebola refogados no azeite.
  2. Quando ficar pronto, misturar com a salsa picada e manteiga.
  3. Reservar e manter aquecido,

Veja como servir o prato

  1. Em um prato de 30 cm, distribuir o molho de taperebá e carambola.
  2. Por cima colocar o peixe.
  3. Enformar o arroz em um aro, colocando-o ao lado.
  4. Enfeitar as bordas do prato com salsinha picada e estrelas de carambola.
Gastronomia Paraense
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM RECEITAS

ÚLTIMAS EM RECEITAS