logo jornal amazonia

Projétil fica alojado em cordão após homem sofrer tentativa de homicídio

Paulo dos Santos Vidal foi alvejado com 5 tiros. Ele foi socorrido e levado ao Pronto Socorro Municipal onde passou por cirurgia e segue internado.

O Liberal
fonte

Uma tentativa de homicídio chamou atenção dos moradores do bairro Amparo em Santarém, oeste do Pará. Um projétil ficou alojado em um anel usado como pingente de cordão que estava no pescoço da vítima no momento dos disparos. O alvo, um homem, foi atingido por cinco tiros durante um atentado ocorrido na rua Ituqui, na madrugada do último domingo (6). Com informações da página Elias Júnior, Repórter Invisível.  

VEJA MAIS

image Empresário baleado nas costas pela namorada está com projétil alojado na coluna
Vítima corre risco de perder os movimentos das pernas; mulher se entregou à polícia nesta segunda

image Comerciante fica com bala perdida presa no pescoço
Vítima afirma que projétil ficou alojado a um centímetro da coluna

image Jovem é morto a tiros em frente à casa da família no Guamá, em Belém
De acordo com o Centro Integrado de Operações (Ciop), a Polícia Militar foi acionada por volta 23 horas para atender a ocorrência. Uma equipe faz buscas pelo bairro para identificar o carro usado no suposto homicídio.

Segundo informações da polícia, a arma usada foi um revólver calibre 38. A vítima foi identificada como Paulo dos Santos Vidal, popularmente conhecido como "Capixaba". Apesar da quantidade de tiros ele foi levado com vida ao Pronto Socorro Municipal onde passou por cirurgia e segue sob acompanhamento médico.

De acordo com a polícia o caso será investigado inicialmente como tentativa de homicídio. A Redação Integrada de O Liberal solicitou mais detalhes sobre o caso e aguarda um retorno das polícias Civil e Militar.

Denuncie

Quaisquer informações que possam ajudar na solução do caso podem ser encaminhadas ao Disque Denúncia (181). A ligação é gratuita e pode ser feita de qualquer telefone. Também é possível mandar fotos, vídeos, áudios e localização para a atendente virtual Iara, pelo WhatsApp (91) 98115-9181. Em ambos os casos, não é necessário se identificar.

Polícia
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA