Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Homem é preso suspeito de estuprar e torturar a ex-companheira em Santarém

Em depoimento, a vítima conta que após as agressões o ex-companheiro teria ainda raspado suas sobrancelhas e obrigado a vítima a fazer juras de amor para ele

Andria Almeida

Um homem foi preso na manhã desta segunda-feira (11) no município de Santarém, suspeito de agredir e torturar a ex-companheira. O caso foi denunciado pela vítima no dia 20 de março, mas só nesta semana a polícia localizou o homem. De acordo com o Delegado, Gustavo Soares, o agressor identificado como Gabriel Albuquerque, torturou e abusou sexualmente da ex-mulher, além de ter mantido a vítima em cárcere privado.

VEJA MAIS

Guarda municipal de Castanhal é preso após matar a facadas e tiros a própria companheira O acusado foi apresentado na delegacia de Santa Izabel do Pará e deve responder pelo crime de feminicídio

Marido morde companheira várias vezes no Pará Ele foi preso, após ser denunciado pela vítima na madrugada desta segunda-feira (28)

Homem que tentou matar a ex-companheira a facadas vai preso em Moju No momento da prisão, Valmir Martins disse que estava arrependido do crime

Homem é preso após incendiar a casa da ex-companheira, em Marabá Francisco Ferreira Lima Júnior não aceitava o fim do relacionamento com a mulher; ele deverá responder pelo crime de quebra de medida protetiva contra violência doméstica e crime de incêndio

“Ele tirou ela de cima de uma motocicleta. No intuito de puni-la porque não estava mais com ele. Levou ela para a casa da mãe, cortou os cabelos dela com uma faca de serrinha, arrancou os aparelhos dentários com a faca, cortou ela todinha nas pernas, a agrediu, ameaçou. Manteve em cárcere durante 10 horas, e não contente com isso levou ela pro terreno baldio, estuprou ela por 2 horas”, relatou o delegado.

Em depoimento, a vítima conta que após as agressões o ex-companheiro teria ainda raspado suas sobrancelhas e obrigado a vítima a fazer juras de amor para ele. Com medo de morrer ela teria feito declarações amorosas e prometido que não contaria o caso para ninguém. Em seguida, os dois voltaram para casa e no momento que o agressor saiu da residência, ela aproveitou para pedir ajuda.

A jovem foi socorrida por uma amiga ainda na rua. Na ocasião, as duas foram para a delegacia registrar o caso.

De acordo com as informações da polícia, os laudos periciais comprovaram os relatos da vítima. Gabriel estava com um mandado de prisão em aberto desde a última sexta-feira (8), mas só nesta semana a polícia conseguiu localizar o indivíduo.

Gabriel foi encaminhado para a delegacia da Mulher para prestar depoimento. O delegado informou que o homem vai responder por estupro, cárcere privado, ameaça, lesão e injúria real.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA