Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Homem é morto a tiros dentro de casa em Ananindeua; suspeitos fugiram

Os suspeitos, que conseguiram fugir do local, teriam exigido pertences e dinheiro da vítima

O Liberal

​Um homem, identificado como José Edson Castro Barros, de 41 anos, foi morto a tiros na manhã desta sexta-feira (1º), dentro de casa, no bairro do 40 Horas, em Ananindeua, na Região Metropolitana de Belém (RMB). Nenhum suspeito foi preso. O caso, segundo a Polícia Civil, foi registrado na Seccional da Cidade Nova. A vítima chegou a ser socorrida para o Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE), mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

VEJA MAIS

Homem é morto a tiros por dupla com rosto encoberto, no oeste do Pará
O crime aconteceu na madrugada de quinta-feira (30/06) em Alenquer, bairro Planalto

Ourilândia do Norte: Casal é morto a tiros na frente de bebê de um ano dentro de carro
Após o crime, ​o Conselho Tutelar foi acionado para dar abrigo e cuidar da criança, enquanto a​ polícia tenta localizar possíveis familiares das vítimas

PM identifica quatro suspeitos de matar Guarda Municipal no interior do Pará; vítima sofria ameaças
Em entrevista ao OLiberal.com, policial militar que preferiu não se identificar informou que os suspeitos ainda não foram presos, mas que os agentes seguem as buscas

No local onde o crime ocorreu, inici​​almente, a Polícia Militar conseguiu apurar que José Edson foi surpreendido por dois criminosos armados, no momento em que estaria abrindo o portão da casa onde morava. Os suspeitos teriam exigido pertences e dinheiro da vítima.

Os criminosos possivelmente tinham conhecimento de que José guardava uma suposta quantia de dinheiro no imóvel. Devido não terem conseguido levar o suposto montante, a dupla atirou na região da barriga do homem e fugiu do local. Um celular de origem desconhecida foi encontrado na residência. O aparelho foi apreendido e entregue à Polícia Civil, que irá investigar a quem pertence o telefone.

Procurada pela reportagem, a Polícia Civil informou que foram levados pertences da vítima durante o crime. A instituição não detalhou, entretanto, quais foram esses objetos subtraídos. Ainda segundo a PC, “diligências estão sendo realizadas para coletar maiores informações e identificar os envolvidos”. Informações que auxiliem nas investigações podem ser repassadas via Disque Denúncia, número 181. A ligação é gratuita, e o sigilo garantido.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA