Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Ourilândia do Norte: Casal é morto a tiros na frente de bebê de um ano dentro de carro

Após o crime, ​o Conselho Tutelar foi acionado para dar abrigo e cuidar da criança, enquanto a​ polícia tenta localizar possíveis familiares das vítimas

O Liberal

​Alex Conceição Guajajara, de 41 anos, e Maria Antônia dos Santos Sousa, de 32 anos, foram executados a tiros dentro de um carro, na noite desta quarta-feira (29), em Ourilândia do Norte, no sudeste do Pará. O casal teria sido abordado por uma dupla, ainda não identificada, que estaria em uma motocicleta e se aproximou do automóvel para cometer o crime. Com informações do site Debate Carajás.

De acordo com informações da Polícia Civil, o casal começou a ser alvejado pelos criminosos por volta das 18h, na avenida Ceará. Alex, que dirigia o veículo, um Chevrolet Onix branco, tentou escapar dos assassinos, acelerando o carro, mas os bandidos seguiram atirando e, já ferido, ao chegar na rua Rondônia, colidiu contra uma calçada. No veículo, também estava um bebê de cerca de um ano. O menino não ficou ferido.

VEJA MAIS

Dupla executa homem a tiros dentro de loja comercial no nordeste do Pará
Polícia acredita que a morte tenha sido um acerto de contas

Agrônomo é executado a tiros em Marabá; criminoso fugiu sem deixar pistas
Magnum Taveira Belizário preparava sua candidatura para deputado federal e pretendia concorrer às eleições deste ano

Jovem é executado com 3 tiros no Guamá; assassinos estavam em carro prata
Crime ocorreu no início de noite deste domingo (20). Vinícius Gonçalves Aguiar tinha 20 anos

Cabo da Polícia Militar é executado no Guamá
Ciop informa que ocupantes de um carro preto teriam praticado o crime.

Os assassinos terminaram a execução, atirando várias vezes contra as vítimas. As investigações preliminares apontam que Alex e Maria trabalhavam como ambulantes vendendo variedades e confecções próximo a um supermercado da cidade. Mas ainda não é possível afirmar se a atividade desempenhada tem a ver com a morte do casal.

​​A Polícia Militar realiza incursões na cidade para tentar localizar os suspeitos, assim como a Polícia Civil busca informações sobre o  casal  para saber as prováveis motivações dos crimes.​ A PC também vai analisar imagens de câmeras da área, para tentar identificar os criminosos. ​Após o crime, ​o Conselho Tutelar foi acionado para dar abrigo e cuidar da criança, enquanto a​ polícia tenta localizar possíveis familiares das vítimas.​​

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA