Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Golpe da piscina: homem é preso pelo crime de estelionato em Altamira

Golpista se passava por construtor de piscinas e causou prejuízos de cerca de 70 mil reais

O Liberal

Em uma ação da operação "Piscina de Areia" a equipe de Polícia Civil de Altamira deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva em desfavor de Ronailson da Silva Leite, homem acusado de crime de estelionato contra oito vítimas no total. O acusado foi preso na última terça-feira, 16, por meio da operação que apura golpes na construção de piscinas na região.

VEJA MAIS:

Confira quais são os 4 golpes com máquinas de cartão mais aplicados Para evitar prejuízos como o do Sushi Ruy Barbosa, confira como se prevenir e 'salve' seu negócio

Polícia Civil do Pará intensifica o combate ao estelionato com operações em outras regiões do Brasil A corporação comemora os feitos

Segundo apurou a Superintendência Regional do Xingu da Polícia Civil, Ronailson simulava a construção de piscinas e depois que recebia o dinheiro, abandonava as obras inacabadas, causando prejuízos de cerca de 70 mil reais. Para convencer as vítimas, ele utilizava redes sociais com fotos de piscinas construídas, induzindo os clientes ao erro, para, segundo a polícia, causar o prejuízo.

Polícia prende mulher suspeita de aplicar o golpe da aeronave no Pará Mulher foi capturada no bairro do Telégrafo, em Belém

Acusados de montar falsas lotéricas são transferidos para Belém Os presos responderão pelos crimes de dano qualificado, apropriação indébita, estelionato, fraude no comércio, associação criminosa, falsidade ideológica e uso de documento falso

Além disso, o preso não tem inscrição em nenhum órgão de construção civil. Depois do mandado de prisão expedido pela 1ª Vara Criminal de Altamira ser cumprido, o preso foi submetido ao exame de corpo de delito e levado à  Seccional Urbana de Altamira, para só então ser transferido ao Centro de Recuperação Masculino de Altamira, onde segue à disposição da Justiça.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA