Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Filho mata o próprio pai a facadas; jovem estaria sob o efeito de álcool e drogas

Depois do crime, populares capturaram e amarraram o homem até a chegada da Polícia Militar

O Liberal

​Na tarde da última quarta-feira (18), um homem, identificado apenas como “Chico”, foi morto às margens da BR-163, na Vila Três Bueiras, na zona rural de Trairão, no sudoeste do Pará. A vítima foi executada pelo próprio filho, que não teve o nome revelado. As informações são do site Debate Carajás e Portal Giro.

VEJA MAIS

Filho mata o próprio pai com golpe de facão em Conceição do Araguaia
​Cleudo Carvalho de Aquino, de 37 anos, foi preso e arma do crime apreendida; o suspeito foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil de Conceição do Araguaia para os procedimentos cabíveis ao flagrante

Filho assassina o pai de 85 anos após ele negar R$ 2
Assassino confesso teria ficado 'chateado' e por isso matou a vítima com golpes foices e faca

Homem mata a ex-mulher a facadas e é morto pelo filho de 13 anos no Pará
Ao ver a mãe sendo atacada, o filho do casal, de apenas treze anos, acabou matando pai, fugindo logo em seguida

De acordo com as primeiras informações repassadas no local do crime, “Chico” teria ido buscar o filho em um estabelecimento da localidade. O jovem não teria gostado da atitude do pai. O jovem armou-se com uma faca e atingiu seu genitor, que morreu na hora. A suspeita das autoridades policiais é que o filho estaria sob o efeito de álcool e drogas.

Depois do crime, populares capturaram e amarraram o homem até a chegada da Polícia Militar, que conduziu o suspeito para a Delegacia de Polícia Civil de Trairão. Na unidade policial, o rapaz foi apresentado à autoridade policial de plantão. Ele foi preso em flagrante e está à disposição do Poder Judiciário.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA