Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Criminosos atacam carro-forte a tiros no Pará

Na fuga, os suspeitos incendiaram um dos veículos conduzidos por eles para não deixar pistas

Ana Laura Carvalho

​Um carro-forte que saiu de Marabá foi alvo de criminosos na rodovia federal BR-153, entre os municípios de São Domingos do Araguaia e São Geraldo do Araguaia, no sudeste paraense, no final da manhã desta terça-feira (29).

VEJA MAIS

Bandidos explodem carro-forte na BR-308, no nordeste paraense
Segundo a Polícia Civil, apesar do taque, os bandidos fugiram sem levar nada

Criminosos que explodiram carro-forte no Pará continuam foragidos
Qualquer informação que ajude a polícia a localizar o bando pode ser repassada através do 181

Os suspeitos armados estavam divididos em dois carros de luxo, sendo uma Hillux e uma Range Rover, de cor branca. Eles atacaram o carro-forte, que tinha como destino a cidade de São Geraldo do Araguaia, e trocaram tiros com os seguranças. Na fuga, os criminosos atearam fogo em um dos carros conduzidos por eles próprios, com objetivo de não deixar pistas.

Carro de luxo destruído pelos criminosos. (Divulgação/ PCPA)

Até o momento, não há relatos sobre feridos. Também não foi divulgado se havia valores dentro do carro-forte. Os seguranças regressaram a São Domingos do Araguaia, pois o carro incendiado pela quadrilha impossibilitou com que eles dessem prosseguimento à viagem.

A Polícia Civil do Pará informou que o caso é investigado pela delegacia de São Domingos do Araguaia. Diligências são realizadas para localizar os envolvidos. Informações que ajudem nas investigações podem ser repassadas pelo Disque Denúncia, número 181. O sigilo é garantido.

Palavras-chave

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA