logo jornal amazonia

Centro Folclórico em Afuá, no Marajó, é destruído durante incêndio na tarde desta quinta-feira (24)

Este é o terceiro incêndio de grandes proporções registrado no Marajó somente nos últimos três meses deste ano

O Liberal

O Centro Folclórico Lagostão em Afuá, no Marajó, foi totalmente destruído durante um incêndio que começou por volta das 17h desta quinta-feira (23). A prefeitura da cidade disse ao Notícia Marajó que as chamas foram controladas e ninguém se feriu. O trabalho, a partir de agora, fica sob a responsabilidade do Corpo Militar de Bombeiros dos Pará (CBMPA) e da Polícia Civil, para tentar identificar o que pode ter dado início às chamas.

Incêndio de grandes proporções é registrado na noite desta quarta (9) em Breves, no Marajó
O caso aconteceu próximo a um posto de gasolina e parcialmente controlado pelos bombeiros por volta de 22h

Incêndio de grandes proporções é registrado na noite desta quarta (9) em Breves, no Marajó
O caso aconteceu próximo a um posto de gasolina e parcialmente controlado pelos bombeiros por volta de 22h

Incêndio em Salvaterra: prefeitura do município suspeita de ato criminoso
“Tem indícios: isqueiro, gasolina”, disse o prefeito; Corpo de Bombeiros fará perícia no local

Polícia Civil investiga causas do incêndio que destruiu três ônibus na Águas Lindas
O incêndio ocorreu por volta das 6h desta sexta-feira (18)

O local era utilizado nos principais eventos do município e sediaria, na sexta-feira (25), a Seresta da Cidadania. O evento foi cancelado pela Prefeitura de Afuá.

O centro era construído em bambu e palha, material altamente inflamável, o que pode ter auxiliado na rápida propagação do fogo. A prefeitura não soube calcular os prejuízos, mas o prefeito de Afuá, Mazinho Salomão, lamentou o incidente.

“Lamentamos o ocorrido e iremos trabalhar, incansavelmente, para que o nosso Centro Folclórico Lagostão seja reconstruído novamente”, afirmou o prefeito.

A redação integrada de O Liberal solicitou informações sobre o trabalho do CBMPA no caso e aguarda retorno.

Prefeitura promete reconstrução do Centro Folclórico Lagostão

Num comunicado nas redes sociais, feito por meio da Secretaria Municipal de Turismo Esporte, Lazer e Cultura, a Prefeitura de Afuá informou que vai “trabalhar incansavelmente” para que o prédio atingido no incêndio “seja reconstruído novamente”.

Terceiro incêndio somente este ano no Marajó

Outros dois incêndios de grandes proporções foram registrados na cidade de Breves, no Marajó, em três meses. O primeiro ocorreu no dia 23 de agosto desse ano e, segundo a Polícia Civil (PC), 26 pessoas ficaram desabrigadas. Na ocasião, seis residências foram destruídas por conta das chamas, sendo que cinco casas foram totalmente consumidas pelo fogo e uma teve 30% da estrutura comprometida.

O outro incêndio aconteceu na noite do dia 9 de novembro, na passagem Sete de Setembro, entre a avenida Rio Branco e a travessa Castilhos França, no bairro Centro, nas proximidades de um posto de gasolina. De acordo com a Polícia Militar (PM), quatro residências da mesma família e uma malharia, que fica embaixo do foco de incêndio, foram totalmente destruídas. A suspeita foi de que o caso iniciou após um curto-circuito num dos postes elétricos da via e ocasionado o fogo nos imóveis.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA