logo jornal amazonia

Afogamentos em Mosqueiro: prefeito de Belém se solidariza com parentes das vítimas

Edmilson Rodirgues usou as redes sociais para expressar pesar pelas vítimas de tentativa de salvamento que se afogaram na última quinta-feira, 5, na Praia do Paraíso, em Mosqueiro

O Liberal
fonte

Na manhã desta sexta-feira, 6, o prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues (PSOL) manifestou pesar pela morte de três pessoas, vítimas de afogamento, na noite da última quinta, 5, em Mosqueiro, distrito de Belém. Lauro Júnior Siqueira Damião, de 42 anos, e Caio Henrique Costa Miranda, de 20 anos morreram ao tentar socorrer Maria Luiza Barbosa Belcolt Gaia, de 19 anos, que se afogava. Os três faleceram. Aruan Monteiro de Lima, de 19 anos, foi o único envolvido na tentativa de salvamento que conseguiu sobreviver.

A fatalidade aconteceu na Praia do Paraíso, uma das mais famosas da ilha, por volta das 18h30, segundo apontam algumas testemunhas, que também dizem que a maré estava alta, com ondas muito fortes. Edmilson Rodrigues comenta, na publicação que deseja que os familiares das vítimas encontrem força para superar o sofrimento.

Confira a publicação na íntegra:

Na publicação sobre a tragédia nas redes sociais de O Liberal, várias pessoas manifestaram pesar pela morte dos envolvidos. Alugmas salientaram o perigo natural da praia: "Essa praia é perigosa. Tem vários canais", disse um dos internautas. "Essa praia só é boa quando está seca, quando está cheia não é mais praia... Tem esse paredão (barranco) e as ondas batem nele", comentou outro.

VEJA MAIS

image Três pessoas morrem afogadas durante tentativa de salvar jovem em praia de Mosqueiro
Moradores da área ajudaram no resgate dos corpos. Acidente ocorreu na praia do Paraíso

image Primo que socorreu crianças afogadas no Natal lamenta: 'Me perdoem por ter falhado'
Parente de Marcos e Eloá, de 2 e 3 anos respectivamente, viu crianças boiando e se atirou em piscina para tentar salvá-los

image Mototaxista desaparecido há seis dias é encontrado morto em Parauapebas
O corpo de Denisval Ferreira Durante, de 48 anos, foi localizado em estado de decomposição dentro de área de mata

Alguns comentários ainda levantam questionamentos sobre a segurança pública no local: "O que facilita mais essas fatalidades é a falta de fiscalização. Passei o final de ano em Marudá e não tinha um salva-vidas", disse uma seguidora. Outra comenta: "Passei a virada de ano e o mês de julho e realmente não tem um salva-vidas".

A redação integrada de O Liberal aguarda retorno da Prefeitura de Belém sobre o sistema de segurança para prevenir esse tipo de fatilidade.

Polícia
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA