Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Homem com galo de estimação que cacareja 200 vezes ao dia é processado por vizinhos

O casal abriu a ação contra o dono do galo devido não suportarem o barulho do animal

Maiza Santos

Um homem identificado como Michael, que tem um galo de estimação chamado Magda, foi processado pelos vizinhos. O casal de idosos, Friedrich-Wilhelm, de 76 anos, e a esposa, Jutta, abriram o processo na tentativa de resolver a situação após reclamarem diversas vezes com o vizinho sobre o barulho que o animal faz. De acordo com eles, a ave cacareja mais de 200 vezes durante todo o dia. O caso aconteceu na Alemanha.

 VEJA MAIS

Vizinhos de galo entram na justiça contra o animal
A reclamação é com o canto agudo do animal, que pode ser ouvido diariamente, às 6h30

Briga de galo clandestina termina com 20 pessoas mortas a tiros
O conflito ocorreu após uma rixa entre grupos de narcotraficantes. O número de sobreviventes ainda não foi divulgada

Coquetel: veja como fazer o Rabo de Galo, drink brasileiro que conquistou o mundo
No rabo de galo, predominam os sabores da cachaça escolhida e do cynar

Os idosos relataram não lembrar a última vez que tiveram um dia silencioso, pois o galo mantém uma rotina de cacarejos que começa às oito horas da manhã e só termina quando o sol se põe. Eles falam que o barulho para somente no momento em que os donos de Magda o trancam junto às outras galinhas. 

“O vizinho não abre mão do galo e temos que viver com isso ou temos que vencer no tribunal. Não podemos usar o jardim e não podemos abrir nenhuma janela. É insuportável”, afirma Friedrich. “É difícil falar sobre tortura, mas é assim que é”, acrescenta Jutta.

De acordo com o advogado do casal, o estilo de vida da ave não combina com o bairro em que eles vivem. Também relata que, há alguns anos, uma família foi obrigada a se mudar por conta da barulheira insuportável do galo. Os cacarejos de Magda chegaram próximo de 80 decibéis, como mostrou um teste feito recentemente. O nível é comparado ao som de um restaurante lotado ou de um engarrafamento de carros em uma avenida.

Michael defende o animal de estimação e conta que Magda possui um papel importante no galinheiro montado em casa, pois ele mantém a ordem entre as outras aves. Um juiz deve ouvir o caso, e, após apresentação de acusação e defesa, decidir quem tem razão 

(Estagiária Maiza Santos, sob supervisão da editora Web de OLiberal.com, Adna Figueira)

 

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO