EU REPÓRTER

Clique aqui e mande sua história ou denúncia e ela poderá ser transformada em notícia. Aqui é Jornalismo Colaborativo!

Artesãos de Icoaraci perdem peças em alagamento na passagem Soledade

Em um dos relatos o prejuízo chega a R$8 mil

Carolina Mota, com a colaboração da leitora Lúcia de Oliveira

A forte chuva da última terça-feira (08), provocou uma série de danos para artesãos do distrito de Icoaraci, em Belém, que perderam peças devido o alagamento. De acordo com relatos, a Passagem Soledade ficou submersa e a água invadiu os estabelecimentos comerciais da área.

Lúcia de Oliveira, Artesã há mais de 40 anos, contou que muitos trabalhadores da passagem perderam seus materiais, inclusive ela, que teve um prejuízo de cerca de R$ 8 mil em peças de artesanato. Segundo a artesã, várias obras foram derrubadas pela força da água, o que causou a quebra da maioria delas.

"A água tomou conta de toda a loja e tinha muita peça quebrada. Conseguimos recuperar algumas mas a maioria ficou lá", lembrou.

VEJA MAIS

VÍDEO: chuva alaga vários pontos de Belém na tarde desta terça-feira
Um dos pontos de alagamento foi avenida Fernando Guilhon com a travessa Quintino Bocaiúva


Alagamentos invadem lojas do bairro Almir Gabriel
Segundo moradores, enchentes são recorrentes na região e o problema ocorre há mais de um ano


 

Ainda segundo Lúcia, ela e algumas funcionárias conseguiram recuperar as peças encomendadas por clientes de outros estados, o que deixou a artesão aliviada, pois essas peças possuem um prazo para a entrega. A denunciante também disse que outras peças e materiais estão úmidos, sendo colodados para secar no sol desde então, mas teme pela perda da qualidade da obra, o que influencia no preço final.

Outros artesãos da passagem estão em situação semelhante. Os relatos afirmam que alagamentos na passagem ocorrem de maneira frequente, mas o nível da água nunca havia chegado ao ponto de invadir as casas e estabelecimentos do local, o que surpreendeu a todos.

Recomeço
Muitos trabalhadores da Passagem Soledade que perderam os materiais de trabalho, estão em busca de amenizar os prejuízos causados pelos alagamentos. "Alguns estão recebendo ajuda de amigos e familiares, outros vão fazer empréstimo do banco, enfim, a gente vai se virando", contou Oliveira.

A artesã pretende restaurar as peças que tiveram um dano menor, como pequenas rachaduras e espera que as peças salvas possam ajudá-la a arrecadar, ao menos, parte do valor perdido. 

"Vou precisar pensar na produção de novas peças e correr para restaurar essas que ficaram. Agora é correr atrás do prejuízo".

A redação integrada do Jornal O Liberal solicitou nota para a Prefeitura de Belém e para a Agência Distrital de Icoaraci e aguarda retorno.

O projeto Eu Repórter é uma iniciativa que busca reforçar a proximidade com os leitores e internautas, incentivando ainda mais o jornalismo colaborativo. Para participar das reportagens e conteúdos, compartilhando histórias, denúncias e sugestões de matérias com a redação de O Liberal, basta acessar o site https://eureporter.grupoliberal.com/ ou enviar suas informações para o Whatsapp (91) 98565-7449, onde será iniciada uma conversa diretamente com repórteres da redação. A denúncia pode ser feita de forma anônima.

(Carolina Mota, estagiária sob supervisão de Mariana Azevedo)

Eu Repórter
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS