CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X

Presidente do Paysandu cita ambiente, avaliações e conversas com Hélio dos Anjos

Maurício Ettinger comentou como é o processo de avaliação da equipe na Série B e explicou método adotado pela diretoria

Fábio Will
fonte

Único representante do Pará na Série B do Campeonato Brasileiro, o Paysandu tenta, nesse momento da competição, se afastar da parte de baixo da tabela. O presidente do clube, Maurício Ettinger, em entrevista à Rádio Liberal +, afirmou que a diretoria e comissão técnica possui um bom relacionamento e explicou motivos de mudanças na equipe e a forma como o clube trabalha para avaliar o rendimento da equipe no Campeonato Brasileiro, que pode ser fruto de conversas entre os membros da comissão e diretoria.

VEJA MAIS

image Maurício Ettinger promete reforços de peso para o Paysandu e fala sobre Cassiano: 'conversando'
Papão pretende trazer entre três ou quatro jogadores assim que abrir a janela de transferências da Segundona, no dia 10 de julho.

image Presidente do Paysandu fala sobre contrato de Esli García; vínculo do atacante termina final do mês
Maurício Ettinger disse, no entanto, que acordo prevê renovação automática até final da temporada.

image Paysandu anuncia saída de atacante que não jogou na Série B do Brasileirão
Jogador fez apenas quatro partidas com a camisa do Bicola na temporada

Ettinger desmentiu que o ambiente bicolor é diferente do que costumam falar por aí e, que o clima no clube é tranquilo. O mandatário bicolor fez questão de frisar que existe uma avaliação interna, que é feita com muita calma e diálogo, entre os presidentes, vices-presidentes, além de executivo e comissão técnica.

“O campeonato [da Série B] todo possui 38 rodadas, a gente tirou as duas do ‘centro’, porque achamos que são extra-jogo, e dividimos em nove ciclos de quatro jogos. Então, a cada quatro jogos a gente avalia o time, seja para ajustes ou premiação. Temos esse miniciclo para avaliar”, disse o presidente alviceleste.

image Hélio dos Anjos comanda o Papão desde o ano passado e subiu com o clube para a Série B (Jorge Luís Totti/Paysandu)

O Paysandu cumpriu quatro partidas na Série B contra o Mirassol-SP, derrota fora de casa e um pedido forte do torcedor nas redes sociais por mudanças na equipe, duas delas muito pedidas, que eram as entradas de Juninho e Esli Garcia. A partir da rodada seguinte, os dois atletas iniciaram como titular as partidas contra o Goiás-GO, Amazonas-AM (na Série B) e Vila Nova-GO (pela Copa Verde).

VEJA MAIS

image 'Xodó' da torcida do Paysandu, Esli Garcia é um estrangeiro que pode garantir bons lucros ao Papão
O venezuelano é o destaque do Paysandu nesta Série B, mas passa por um processo de adaptação ao futebol brasileiro e deve ganhar um novo contrato com o Papão

image Paysandu: Nicolas pode bater recorde pessoal de gols nesta temporada; entenda
Para atingir essa marca, basta que o camisa 11 do Papão balance as redes mais três vezes até o final da Série B do Brasileirão.

image Paysandu: Nicolas pode bater recorde pessoal de gols nesta temporada; entenda
Para atingir essa marca, basta que o camisa 11 do Papão balance as redes mais três vezes até o final da Série B do Brasileirão.

 

Para Ettinger, o Paysandu é um clube que é aberto ao diálogo. O presidente bicolor afirmou que não interfere nas escalações da equipe, que Hélio dos Anjos é o único responsável por isso, mas que ele está aberto a ouvir e a questionar situações dentro do clube.

“O que falam fora não é o que acontece lá dentro. O clima é muito tranquilo no clube. O Hélio, lógico, exerce uma liderança sobre os jogadores, mas eu, Roger e Fred trabalhamos juntos. Há sempre uma reunião com todo mundo antes dos treinos. A comissão é muito aberta ao diálogo. Claro, que a quem determina quem entra e sai do time é o Hélio, a gente nem se mete nisso. Mas a gente discute, fala das alterações pra gente. A relação é muito boa”, contou.

No ano de 2024, o Paysandu passou para a segunda fase da Copa do Brasil, garantiu cota importante financeiramente e conquistou o título do Campeonato Paraense. Na Copa Verde o Papão está muito perto de levantar pela quarta vez a taça da competição regional, já que venceu o primeiro jogo da final contra o Vila Nova-GO por 6 a 0. Com o título praticamente encaminhado, o Paysandu poderá pensar somente na disputa da Série B, que é a principal competição do clube na temporada.

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Paysandu
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM PAYSANDU

MAIS LIDAS EM ESPORTES