#if(!$m.request.preview.inPreviewMode)
CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X
#end

Parazão 2024 registra quase 300 mil pagantes em 61 jogos, diz relatório final da FPF

A entidade divulgou nesta segunda-feira um documento com todas as informações da 112ª edição do Campeonato Paraense, a 50ª conquistada pelo Paysandu, o campeão de fato e de direito

Luiz Guilherme Ramos
fonte

Após 86 dias de disputa com 12 equipes e mais de 60 partidas, o Campeonato Paraense de 2024 chega ao fim, e com ele, a Federação Paraense de Futebol (FPF) divulgou um relatório com todas as informações da disputa que consagrou o Paysandu como campeão e, de quebra, dono das melhores médias conquistadas entre os participantes. 

Ao todo, os 61 jogos foram assistidos por 299.486, com média de público na casa dos 4.910 torcedores. Foram marcados no Parazão 2024 134 gols, com média de 2,16 gols/partidas. O maior público registrado foi de 48.180 torcedores, no Re-Pa da quinta rodada da primeira fase. A arrecadação total das partidas ficou na casa dos R$ 9.006.834,00, sendo a maior delas de R$ 2.452.020,00, registrada no mesmo clássico. 

O Paysandu apresenta os melhores números, desde a classificação geral, onde acumulou 34 pontos em 14 jogos, contra 27 do Remo, o segundo colocado geral. A lanterna da competição ficou com o Canaã, que marcou quatro pontos em oito rodadas. Ao lado dele, o Tapajós também foi rebaixado, marcando cinco pontos em oito jogos. 

VEJA MAIS

image Presidente da FPF rebate críticas após divulgação de áudios do VAR do Re-Pa: ‘fora de contexto’
Segundo Ricardo Gluck Paul, polêmicas geradas em torno das falas do árbitro do jogo ocorreram pela falta de conhecimento dos jargões da arbitragem.

image Melhor defesa, ataque e artilheiro; veja os números do Paysandu, campeão do Parazão 2024
Paysandu foi soberano no Campeonato Paraense de 2024 e levantou a taça pela 50ª vez

image Meio século de conquistas! Paysandu é campeão do Parazão e abre vantagem em títulos sobre o Remo
Papão conquistou neste domingo (14), no Mangueirão, o seu 50º título do Campeonato Paraense. O Papão possui na história meio século de triunfos tem a hegemonia no futebol estadual.

Em relação ao público, o Papão da Curuzu foi o campeão, levando exatos 113.542 torcedores ao estádio, com média de 14.193 torcedores por partida. O Remo vem em seguida com 112.432 e média de 12.492. O lanterna de público foi o São Francisco, com 886 pagantes e média de 177 por jogo. 

Na disputa de ataques, o Paysandu também ficou na ponta, com 26 gols marcados, média de 1,9 por jogo, além de ter tido a defesa menos vazada, com cinco gols em todo campeonato. Os piores ataques ficaram com o Santa Rosa e o Canaã, ambos com quatro gols, enquanto que, as piores defesas, ficaram com a Tuna Luso e o Bragantino, com 14 gols sofridos. 

Ao final do Parazão, o Paysandu sagrou-se campeão invicto, com 10 vitórias e quatro empates e um saldo positivo de 21 bolas. Outro ranking divulgado foi dos cartões. A equipe mais amarelada foi a Tuna Luso, com 34, seguida de perto pelo Santa Rosa, com 31. Na ponta oposta, a equipe de Hélio dos Anjos levou 17 cartões, enquanto o Remo levou 19. Entre os cartões vermelhos, o Remo foi o campeão, com quatro, mesmo número do Caeté. 

Por fim, a FPF, na figura do presidente Ricardo Gluck Paul, também manifestou alegria com a criação de duas competições profissionais que estrearam na temporada: a Supercopa Grão Pará, vencida pelo Águia de Marabá, e a Copa Grão Pará, cujo vencedor foi a Tuna Luso Brasileira, que também foi premiada com uma vaga na Copa do Brasil de 2025. 

"Com muito orgulho, a Federação Paraense de Futebol encerra a temporada profissional da Série A com números bastante expressivos. Além dos números esportivos, obtivemos recorde de arrecadação (R$ 9 milhões) e patrocínios (R$ 2 milhões). Quase 300 mil pagantes, além da criação e realização de mais duas competições profissionais inéditas que transformaram o nosso Estadual em 3x1", comemora o presidente Gluck Paul. 

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Futebol
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES