Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Mangueirão: Secretário da Seel cita eleição na FPF como motivo do cancelamento da vistoria da CBF

Nivan Noronha falou sobre as tratativas do governo e comentou sobre a eleição na FPF como um motivo do cancelamento da vistoria

O Liberal

A possível vinda da Seleção Brasileira para a reinauguração do Mangueirão, diante da Argentina, sofreu um “abalo”. O cancelamento da vistoria que seria realizada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), nesta terça-feira (14), em Belém, foi cancelada e um dos motivos é a demora na eleição da presidência da Federação Brasileira de Futebol (FPF), segundo o secretário da SEEL, Nivan Noronha

VEJA MAIS

Vistoria da CBF no Mangueirão é cancelada e clássico Brasil x Argentina pode não ocorrer em Belém
Além de Belém, o clássico sul-americano ganhou concorrentes como os Estados Unidos e também algum país europeu

Equipe da FPF pretende fazer 'lobby' em visita técnica da CBF às obras do Mangueirão; entenda
Objetivo é trazer a partida entre Brasil e Argentina para o jogo de reabertura do estádio. A data do amistoso seria no dia 22 de setembro

Novo gramado do estádio Mangueirão começa a ser plantado; veja
Cerimônia de início do plantio ocorreu na última terça-feira (31).

Em entrevista a um portal de Belém, o secretário da SEEL, o cancelamento da visita envolve a “novela” da eleição da FPF, que já foi cancelada por quatro vezes. Nivan Noronha afirmou que ainda existe uma conversa do governador do Estado, Helder Barbalho, com a CBF e citou a eleição na FPF.

“Essa tratativa foi feita diretamente com o governador, mas o motivo principal é a situação da FPF, que é o braço direito da CBF no Estado. Precisa ser resolvido”, disse.

VEJA MAIS

Comissão Eleitoral da FPF divulga novo edital com data para escolha de presidente; entenda
Nova data escolhida para realização do pleito ficou para o dia 29 de junho, na sede do Pará Clube

Candidatos à presidência da FPF divergem sobre decisão da Justiça; veja
TJPA ordenou uma reconfiguração do colégio eleitoral. Ricardo Gluck Paul e Paulo Romano têm opiniões diferentes da decisão.

Após cancelamento da eleição, FPF renomeia comissão eleitoral e convoca assembleia geral
Eleição da FPF virou uma "novela mexicana". Comissão eleitoral foi renomeada e deve divulgar o edital nos próximos dias

A FPF gerencia o futebol do Pará, teria que eleger um novo presidente no final de dezembro de 2021, mas até o momento nada ocorreu, mesmo com a chegada de Graciete Maués, presidente da Tuna, que assumiu de forma interina a FPF, justamente para dar andamento à eleição, não conseguiu. A nova data da eleição da instituição está marcada para o dia 29 deste mês, na Sede do Pará Clube, em Belém. Duas chapas disputam o poder do futebol paraense, uma encabeçada por Ricardo Gluck Paul e outra por Paulo Romano.

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES