Daniel Alves contrata advogado que defendeu Messi e espera responder acusação em liberdade; veja

O jogador continua preso preventivamente, acusado de violência sexual cometida contra uma jovem no dia 30 de dezembro; novo advogado é um dos mais conhecidos da Espanha e já defendeu figuras importantes do país

Luiz Guilherme Ramos
fonte

O jogador Daniel Alves continua investindo na tentativa de provar sua inocência perante à justiça, depois de ter sido acusado por uma jovem de ter cometido um estupro em um banheiro de uma boate, no último dia 30 de dezembro, em Barcelona. Depois de ser preso preventivamente, o atleta resolveu contratar o advogado Cristóbal Martell, um dos mais conhecidos da Espanha. 

O famoso operador do direito tem em seu currículo casos envolvendo figuras ilustres no país, como o jogador de futebol Lionel Messi, na época em que atuava pelo Barcelona, e o ex-presidente da região espanhola da Catalunha, Jordi Pujol. Com a entrada do advogado na defesa do brasileiro, um recurso deve ser apresentado nesta terça-feira (24) à justiça local, pedindo que o craque responda em liberdade. 

Um dos grandes desafios do advogado será driblar a nova lei contra violência sexual aprovada no final do ano passado. Conhecida como "Solo sí es sí" ("Apenas sim quer dizer sim"), a nova medida foca no consentimento explícito da vítima, o que segundo a vítima, não aconteceu. Conforme o novo entendimento, Daniel Alves poderia pegar até 12 anos de prisão, caso seja confirmado que houve penetração forçada.

SAIBA MAIS

image Daniel Alves preso: tatuagem em região íntima teria sido decisiva para prisão do jogador
Uma tatuagem de meia-lua na região do abdômen de Daniel Alves teria ajudado a convencer a juíza a pedir a prisão provisória do jogador, que mudou de versão ao ser contestado pela magistrada


image Acusação sobre Daniel Alves reacende casos de violência sexual envolvendo jogadores; relembre
O lateral-direito está preso preventivamente na Espanha, após acusação de estupro de uma jovem; relembre outros jogadores famosos que já se envolveram em escândalos sexuais e foram acusados ou condenados formalmente


image Daniel Alves muda de presídio na Espanha para "garantir a segurança e a convivência"
Jogador de 39 anos está preso provisoriamente desde sexta-feira, investigado por suposto estupro a uma mulher de 23 anos em dezembro. Família cogita troca de advogado e estratégia de defesa


 

Martell ficou conhecido na Espanha por conseguir bons acordos judiciais em casos de ampla repercussão midiática. Jordi Pujol é o patriarca da família mais influente da região espanhola que governou o país por duas décadas, entre os anos de 1980 e 2003, sendo um dos nomes mais relevantes na transição espanhola à democracia, no entanto, envolvido até o pescoço em um dos maiores esquemas de corrupção do país, do qual fizeram parte a esposa e os filhos. O caso ainda corre na Audiência Nacional, a corte mais alta da Justiça espanhola, e a pena pedida no processo chega a 29 anos para ele e 92 anos para a família.

Anos atrás, quando Lionel Messi encantava a torcida do Barcelona, fora dos gramados ele se envolveu em um caso de fraude fiscal que resultou na condenação a 21 meses de prisão, mas acabou não cumprindo graças a uma brecha na lei espanhola que permite liberdade a pessoas condenadas a menos de dois anos sem antecedentes criminais. 

Outro case notório foi com os ex-presidentes do Barcelona, Sandro Rossel e Josep Bartomeu. O Ministério Público espanhol ofereceu uma denúncia sobre os ex-dirigentes, acusados de irregularidades na contratação de Neymar, em 2013. O advogado conseguiu que ambos fossem inocentados após um acordo com a Promotoria, com direito a pagamento de multas milionárias. 

Enquanto isso, Daniel Alves alegou à justiça que contradisse seu primeiro depoimento, que teve relações sexuais consentidas com a suposta vítima. Já a jovem alegou que foi estuprada e agredida pelo brasileiro. 

 

Futebol
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES