Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Candidato à presidência e advogado brigam na FPF e polícia é acionada pelo TJD-PA

No dia em que eleição da Federação é suspensa pela Justiça, Ricardo Gluck Paul e David Merabet se desentendem no protocolo da entidade.

Caio Maia

Uma briga, que contou com a presença de viaturas da Polícia Militar, movimentou a tarde desta terça-feira (12) na Federação Paraense de Futebol (FPF). Segundo testemunhas, o candidato à presidência da entidade, Ricardo Gluck Paul, e o advogado da Liga de Castanhal, David Merabet, trocaram ofensas na Federação. A briga ocorreu no dia em que a Justiça do Pará suspendeu o pleito que escolheria o futuro comandante do futebol paraense.

VEJA MAIS

Eleições FPF: Gluck Paul concorda com suspensão e dispara contra presidência: 'querem dinheiro da federação'
Segundo o candidato, decisão da Justiça do Pará foi acertada, já que a atual gestão da FPF realizou uma "série de delitos" na composição do pleito.

TJPA determina suspensão da eleição de novo presidente da FPF
Segundo a Justiça, outro pleito deve ser convocado em um prazo máximo de 30 dias.

Adelcio Torres desiste e eleição da FPF será disputada entre Ricardo Gluck Paul x Paulo Romano
Paulo Romano inscreveu sua chapa no último sábado e ficou definida a eleição da Federação Paraense de Futebol

Ainda de acordo com testemunhas, a confusão começou no momento em que os dois estavam no protocolo da Federação. Ambos estavam no local pegando documentos relacionados às chapas que concorrem à eleição para a escolha do presidente da entidade.

De acordo com David Merabet, todos estavam no protocolo da FPF quando chegou a informação de que a eleição havia sido suspensa. Em seguida, o advogado disse que comentou com os demais presentes que a decisão da Justiça, segundo ele, foi equivocada. A partir deste momento, segundo Merabet, Gluck Paul foi agressivo e começou a ofendê-lo.

"Ele começou a vir em minha direção, me xingando. As pessoas que estavam lá presentes precisaram intervir. Os presentes viram que ele estava exaltado. Sou só um profissional e nem me dirigi a palavra a ele", afirma o advogado.

de acordo com Gluck Paul, foi David Merabet que começou as agressões. Segundo o candidato, enquanto o assunto sobre a suspensão das eleições estava sendo comentado, Merabet passou a insultá-lo.

"Ele veio pra cima de mim, querendo me bater. Tivemos que chamar a polícia para garantir a minha integridade física. Ele sabe que perdeu o controle e agiu como um covarde. Vou representar contra ele onde for necessário", explicou Gluck Paul.

Após a confusão, ambos foram para a delegacia onde registraram Boletim de Ocorrência. David Merabet também foi à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e registrou queixa contra Gluck Paul. 

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES