Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Homem finge ser jogador de futebol e dá calote de R$ 4,3 mil em bar

Ao total, um valor de R$ 4.363,13 no consumo de whisky, espumantes, energéticos, cerveja, drinks e porções de picanha importada constam na nota fiscal

O Liberal

Um homem deu um calote de mais de R$ 4 mil em um bar após fingir ser jogador de futebol e dar bebida para vários clientes. Ao todo, um valor de R$ 4.363,13 no consumo de whisky, espumantes, energéticos, cerveja, drinks e porções de picanha importada constam na nota fiscal. O caso aconteceu no Bairro Varjota, em Fortaleza, na noite de domingo (28). As informações são do G1 Ceará.

Conforme os funcionários do estabelecimento, o rapaz chegou no fim da tarde ao lado de dois ‘seguranças’ e dois motoristas de aplicativo, se apresentando como jogador de futebol. Assim que chegou, ele começou a fazer vários pedidos e convidar mulheres para sentar com ele à mesa, oferecendo bebidas a elas e para os supostos seguranças. 

VEJA MAIS

Italiano cai em golpe e passa 15 anos achando que namorava à distância com Alessandra Ambrósio O rapaz chegou a enviar 4,3 milhões de reais para a estelionatária, que alegava ter problemas cardíacos

VÍDEO: golpistas trocam máquina de cartão e desviam mais de R$ 27 mil de restaurante em Belém O dono do estabelecimento conta que as notas emitidas pela máquina adulterada vinham inclusive com o nome do local

Na hora de pagar, ele alegou que não podia passar a conta no débito pois sua conta corrente era conjugada com a da companheira e não tinha dinheiro em espécie suficiente no momento. Os responsáveis pelo bar acionaram a polícia, que conduziram o homem até a delegacia. Segundo os agentes, o representante do local não quis dar continuidade à denúncia criminalmente contra o suspeito.

Palavras-chave

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL