Covid-19: falta de vacinas para crianças e bebês chega a 50 dias em Belém; 629 mil estão sem doses

As últimas remessas de vacinas Coronavac e Pfizer Baby não foram suficientes para a demanda de todo o estado, deixando crianças vulneráveis

Victor Furtado
fonte

Nesta terça-feira (24), Belém completou 50 dias sem vacinas contra covid-19 para crianças e bebês. A informação foi confirmada pela prefeitura, que divulgou nota sobre a vacinação na capital, que continua normalmente para todos os públicos a partir de 12 anos. Em todo o Pará, são mais de 629 mil crianças na faixa etária de 6 meses a 4 anos, como informa a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa). Na capital, são 40 mil.

Alguns municípios paraenses já relatavam a falta de imunizantes para crianças desde antes de dezembro de 2022. Porém, em Belém, a crise que se arrasta há quase dois meses foi anunciada no dia 6 de dezembro do ano passado. O Ministério da Saúde, no dia 6 de janeiro deste ano, confirmou que o estoque de vacinas contra covid-19 para crianças estava zerado. O último carregamento enviado ao Brasil foi feito no dia 16 de janeiro: 740 mil doses e 25,7 mil foram destinadas ao Pará.

VEJA MAIS

image Cresce 29,3% o número de empresas abertas no Pará; confira os segmentos com melhor desempenho
A comparação é entre 2019 e 2022, dois anos que não tiveram impactos causados pela crise sanitária da covid-19

image Professor de escola pública em Ananindeua cria apps educativos com a 'cara do Pará'
O professor Humberto Baía aproveitou o período de isolamento causado pela pandemia de covid-19 para colocar a ideia em prática.

image Covid-19: Pará recebe remessa com mais de 49 mil doses de vacina Pfizer Adulto
Sespa reitera a importância de a população manter em dia o calendário vacinal, garantindo a proteção do indivíduo e da coletividade

Após assumir a Secretaria de Vigilância em Saúde e Ambiente do Ministério da Saúde, Ethel Maciel declarou, no dia 6 de janeiro, que enquanto faltavam vacinas para bebês e crianças, sobravam doses para adultos.

Dados do Vacinômetro da Sespa, nesta terça-feira (24), mostram que a população vacinável do Pará é de 7.468.272, com cobertura de primeira e segunda doses superior a 90%. Cerca de 33,40% tomaram a terceira dose. Já a quarta dose foi recebida por 8,45% da população paraense. A quinta dose só foi recebida por 3,19% da população.

image Covid-19: 33 crianças e adolescentes morreram com a doença em 2022, no Pará
Apenas em Belém, foram 12 óbitos; Sesma destaca importância da vacinação para esse público

image Ministério da Saúde distribui 740 mil doses de Coronavac para crianças; Pará recebe 25,7 mil doses
Imunizantes devem chegar aos estados até esta terça-feira (17); as doses são destinadas à vacinação das crianças de 3 a 11 anos contra a covid

Ministério da Saúde recebeu 7,7 milhões de doses

Por nota, o Ministério da Saúde informou que "...7,7 milhões de doses de vacinas covid-19 da Pfizer para crianças de 6 meses a 11 anos de idade. A entrega é parte do aditivo de 50 milhões de doses e fruto das negociações do Ministério da Saúde com o laboratório para o adiantamento das remessas".

"A entrega está dividida em dois lotes, o primeiro de 7,2 milhões e o segundo de 550 mil doses. Ao todo, são 4,5 milhões para 6 meses a 4 anos e 3,2 milhões de doses destinadas ao público de 5 a 11 anos. A partir de agora, as vacinas passam por análise do Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS) e serão distribuídas para todos os estados e Distrito Federal nos próximos dias, ampliando a campanha de vacinação dessa faixa etária", conclui a nota do MS.

Belém
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM