#if(!$m.request.preview.inPreviewMode)
CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X
#end

Círio 2023: Procissão da Festa levou cerca de 5 mil fiéis pelas ruas de Belém em caminhada de fé

A penúltima Romaria Nazarena serviu como um momento de homenagem da Diretoria da Festa e as comunidades católicas para Nossa Senhora

Amanda Martins

O bairro do Umarizal testemunhou na manhã deste segundo domingo após o Círio, 22, um espetáculo de devoção à Nossa Senhora de Nazaré com o início da Procissão da Festa, a penúltima Romaria Nazarena e a terceira mais antiga da festividade. Este evento, organizado pela Diretoria da Festa de Nazaré (DFN), representa um momento especial em que a comunidade católica se reúne com os profissionais que ajudaram realizar as procissões para homenagear a Padroeira do Pará e expressar gratidão pelas graças alcançadas. A expectativa da DFN era de que cerca de 5 mil fiéis participassem da caminhada.

VEJA MAIS

image Corrida e Caminhada do Círio 2023 mobilizam 6 mil atletas neste domingo (22); confira os resultados
Prova de 10km terminou em pouco mais de 30 min. A de 5 km acabou em 16 min.

image Corrida do Círio 2023: primeiros atletas concluem a prova; veja os vencedores
Prova de 10km terminou em pouco mais de 30 min. A de 5 km acabou em 16 min.

image Círio 2023: confira como serão as últimas romarias oficiais e a programação de encerramento
No domingo haverá a Procissão da Festa e, na segunda-feira, o Recírio, que deverá reunir cerca de 50 mil pessoas

A procissão iniciou às 8h com saída da Comunidade Santo Antônio Zaccaria, localizada na Rua Boaventura da Silva, e foi precedida por uma missa celebrada por Dom Antônio de Assis Ribeiro, Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Belém. Com as bençãos religiosas, o público se preparou para seguir pela Travessa 9 de Janeiro, Antônio Barreto, Avenida Alcindo Cacela, Avenida Gov. José Malcher, Generalíssimo Deodoro, Avenida Nazaré e finalmente chegando à Praça Santuário, com quase uma hora e meio de romaria. 

Procissão da Festa - Círio 2023

O ponto focal da procissão foi a Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Nazaré, conduzida no carro Berlinda, cuja decoração esplêndida foi criada por Vando Nascimento. Durante o trajeto, a imagem fez paradas estratégicas para receber também homenagens calorosas da vizinhança e paróquias, tornando a caminhada ainda mais significativa para os participantes.

Mário Tuma Jr, Diretor de Procissões da Diretoria do Círio, afirmou que a procissão representou um momento de afetividade entre os envolvidos na festividade e as comunidades. Para ele, há muito mais que agradecer do que pedir. 

"Essa romaria de hoje é a mais familiar de todas, uma romaria a qual agraciamos todas as pessoas, todas as paróquias, membros de paróquias para fazer uma caminhada conosco, uma caminhada tranquila e festiva, todos os que se empenharam no Círio, os órgãos de segurança, hoje é uma forma de agradecimento”, declarou.

A multidão de fiéis estava repleta de histórias e testemunhos de devoção. Uma delas é da arquiteta Ana Carolina Pena, 42 anos. Ela começou participar mais efetividade das romarias do Círio de Nazaré após o marido e enteado se tornara, respectivamente, Guarda de Nossa Senhora e Guarda Mirim da Santa. 

image Ana Carolina Pena (Ivan Duarte / O Liberal)

“Toda romaria é emocionante e importante para a gente, que nós fazemos parte dessa comunidade o ano inteiro e dia a dia, semana após semana. Esta Quinzena Mariana é muito importante para a gente, é uma emoção muito grande. Estamos finalizando esta quinzena do Círio, amanhã é a última procissão, então, a gente com o dever cumprido de mais um ano, mais um Círio, vamos finalizar e começar um novo Círio", disse a arquiteta.

Flávia Meireles, 47 anos, pedagoga, emocionada e cheia de gratidão, acompanhou a procissão carregando uma imagem de Nossa Senhora de Nazaré como forma de pagar promessa pela aprovação da sobrinha no vestibular deste ano.

image Legenda (Ivan Duarte / O Liberal)

"Estou acompanhando todos os eventos do Círio com essa imagem e quando chegar amanhã, no Recírio, eu vou doar ela para a primeira pessoa que estiver perto de mim. Meu propósito é pagar promessa por uma graça alcançada pelo vestibular da minha sobrinha esse ano. Eu já fiz a mesma promessa para outras pessoas. Sinto uma gratidão, todas as procissões que participei coloquei muitas energias positivas para a pessoa que vai receber, a pessoa que vai receber que ela tenha muitas graças alcançadas e seja muito abençoada como eu sou há quase 7 anos que realizo essa promessa”, contou à reportagem.

História 

Não se sabe precisamente quando a primeira Procissão da Festa foi realizada, mas em 1881 já se tem registros históricos, 24 anos antes dos Barnabitas assumirem a Paróquia de Nossa Senhora de Nazaré do Desterro, em 1905. Era realizada à tarde, até que uma chuvarada em 1953 fez com que passasse a ser realizada pela manhã, o que aconteceu em 1954. Em 2000, no dia 22 de outubro, a procissão coincidiu com o Jubileu de Ordenação de Dom Vicente Zico, Arcebispo Metropolitano de Belém na época. Por esse motivo, a Procissão saiu da Praça Santuário para a Catedral, onde foi celebrada uma missa solene no tablado armado em frente à Igreja. Em 2001, a romaria passou por todas as comunidades que fazem parte da Paróquia de Nazaré, em um percurso total de 4,3 km.

 

 

 

.

 

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Belém
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM