Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

​Tribunal de Justiça lamenta assassinato de oficial de justiça em Novo Repartimento

Clayton Nazaré do Socorro Martins Mesquita foi assassinado a tiros, na tarde desta quarta-feira (29), por dois homens que estavam em uma moto

O Liberal

O Tribunal de Justiça do Estado do Pará (TJPA) lamentou o assassinato do oficial de justiça Clayton Nazaré do Socorro Martins Mesquita, ocorrido nesta quarta-feira (29), no município de Novo Repartimento, no sudeste paraense. Segundo o TJPA, o servidor ingressou no Poder Judiciário do Pará em 6 de novembro de 2017, “exercendo com empenho e responsabilidade suas atividades judiciárias”, diz a nota publicada no site da instituição na noite desta quarta-feira.

“O Poder Judiciário do Estado do Pará se solidariza com os familiares e os amigos do servidor neste momento de dor e saudade”, lamenta​​ o tribunal.

VEJA MAIS

Oficial de Justiça é morto a tiros em Novo Repartimento
O servidor foi alvejado a tiros por dois homens que estavam em uma moto

Polícia desvenda assassinato de motorista de aplicativo
Na ação criminosa, o condutor foi morto e o passageiro ferido; suspeito está preso

Suspeitos confessam assassinato de Bruno Pereira e Dom Phillips na Amazônia, diz jornal
Os corpos teriam sido decepados e queimados na terra indígena do Vale do Javari

A direção do Fórum Distrital de Icoaraci também se manifestou. Disse que o oficial de justiça foi morto durante o cumprimento de seu trabalho. No comunicado, a direção reforçou que “presta os mais sinceros sentimentos e se solidariza com os familiares pela perda de seu ente querido”.

“O servidor Clayton trabalhou no Protocolo Administrativo do Fórum de Icoaraci, era um profissional dedicado, estudioso, sempre gentil e respeitoso com os colegas e realizou seu sonho de ser Oficial de Justiça. A sua morte prematura representa uma grande perda para o serviço público e deixará muitas saudades em todos com quem conviveu", finaliza a nota da direção do Fórum Distrital de Icoaraci.

Relembre o caso

O oficial de justiça foi​ assassinado na manhã desta quarta-feira (29), por volta das 11h, no bairro de Nossa Senhora Aparecida, próximo da praça da Vila Tucuruí, no município de Novo Repartimento, no sudeste do Pará. O servidor foi alvejado a tiros por dois homens que estavam em uma moto. Ninguém foi preso até o momento.

Segundo informações de populares, a arma do oficial de justiça teria sido levada, juntamente com um cordão de ouro utilizado por ele. A reportagem entrou em contato com a Polícia Civil. Por nota, a PC confirmou que "pertences da vítima foram subtraídos durante o crime". A Polícia Civil disse também que "equipes da Superintendência Regional de Tucuruí e da Delegacia de Homicídios de Marabá foram deslocadas para o município para reforçar as investigações e elucidar o caso".

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA