Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Pedreiro vítima de atentado a policial penal morre em Santa Izabel do Pará

Na noite de domingo (29), criminosos invadiram a residência de um agente e atiraram contra o cunhado, o filho dele, de 10 anos e Rosivaldo Lemos de Oliveira, pedreiro que estava no local

O Liberal

Morreu, na manhã desta segunda-feira (20), Rosivaldo Lemos de Oliveira, pedreiro que estava na casa do policial penal cuja família foi vítima de um atentado a tiros na noite do último domingo (29). Na ocasião, criminosos invadiram a residência do agente, no município de Santa Izabel do Pará, na Região Metropolitana de Belém (RMB), e atiraram contra três pessoas: o cunhado, o filho de 10 anos e Rosivaldo. Todos foram encaminhados para Belém, onde receberam atendimento médico.

VEJA MAIS:

Familiares de policial penal sofrem atentado em Santa Izabel neste domingo (29/05)
Um dos acusados de envolvimento no crime foi preso; polícia busca por mais três acusados

Em nota divulgada algumas horas após o crime, a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) informou que está prestando apoio ao policial penal e seus familiares. "Agentes de segurança pública realizam buscas para localizar os suspeitos do crime", pontuou a secretaria.

Suspeitos

Um dos envolvidos no crime foi capturado e apresentado à Divisão de Homicídios (DH) da Polícia Civil, no bairro de São Brás, em Belém. As investigações e o cerco policial contra os outros acusados pela tentativa de homicídio prosseguiram na noite de ontem (29).

O acusado preso pela polícia foi identificado como sendo Hosnarcom Victor da Silva Lopes. Policiais estão atrás de um homem apelidado de "Gordinho", que seria o mandante do crime, e mais dois suspeitos de serem os executores: "Zelão" e Leandro.

Palavras-chave

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA