Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Menina encontrada próximo a Novo Repartimento já foi identificada; não é Isabela

A menina foi acolhida em um abrigo de Novo Repartimento, para onde foi levada após receber cuidados médicos

Tay Marquioro

A criança encontrada vagando em uma estrada, entre Itupiranga e Novo Repartimento, no final de semana, foi identificada. Com aparência debilitada, desorientada e sem conseguir se comunicar, a menina foi levada por uma guarnição da Polícia Militar de Itupiranga para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município e o Conselho Tutelar foi acionado. De acordo com informações da conselheira Adriana Oliveira, a foto divulgada pelas redes sociais chegou até uma mulher, que fez contato telefônico se identificando como mãe da garota.

Embora hovesse a suspeita de que a criança poderia ser a menina Isabela, desaparecida desde o dia 11 de maio, em Marabá, essa hipótese foi descartada. A família da menina é de Altamira, sudoeste do Pará, e a mãe se mostrou surpresa com o paradeiro da menina. Ela alega que a criança estaria sob a guarda do pai, que também vive em Altamira, e, por isso, a mãe registrou boletim de ocorrência.

VEJA MAIS 

Caso Isabela: pai da menina desaparecida desconhece informação sobre exame de DNA
Criança encontrada em Novo Repartimento, suspeita de ser Isabela, faria exame de parentesco nos próximos dias

Caso Isabela: Celulares do padrasto e da menina desaparecida em Marabá passam por perícia
A Polícia Civil informou, na tarde desta quinta-feira (26), que não pistas sobre o paradeiro da criança e as buscas estão suspensas temporariamente até análise de novas informações

​Caso Isabela: Polícia não tem previsão para concluir perícia em celulares
O desaparecimento da pequena Isabela Lima Mendes Amaral, de 10 anos, completa um mês no próximo sábado (11); ela sumiu no dia 11 de maio, em Marabá, no sudeste paraense, depois que sua mãe foi encontrada morta dentro da residência da família

Enquanto aguarda o desfecho da sua própria história, a criança segue acolhida em um abrigo de Novo Repartimento, para onde foi levada após receber cuidados médicos. A mãe da menina deve ir até o município para reencontrar a filha e levá-la de volta para o convívio familiar.

Caso Isabela

O desaparecimento da menina Isabela Lima é cercado por uma tragédia familiar. De acordo com o pai dela, Ademar Souza, a menina está desaparecida desde 8 de maio. Entretanto, as buscas começaram a partir do dia 11 daquele mês, quando o corpo da mãe Gleiciane Lima Rabelo Amaral foi encontrado na residência em que viviam, em Marabá. O principal suspeito do crime, o padrasto Eliezer Almeida Amaral, morreu momentos depois da descoberta da cena do crime, quando se atirou na frente de uma carreta, no núcleo Nova Marabá. Nunca mais se teve notícias de Isabela, que morava com o casal e a falta de um corpo mantém a esperança de que ela seja encontrada com viva.

Polícia usa cavalos e cães farejadores para intensificar buscas de menina desaparecida em Marabá
As buscas, que já contaram com o apoio de voluntários, passaram a ganhar o reforço de cavalos e cães farejadores.

Disque Denúncia 

 

O Disque Denúncia do Sul e Sudeste do Pará continua fazendo um apelo à população para que, qualquer informação que leve à localização de Isabela, seja repassada pelo telefone (94) 3312-3350 ou pelo whatsapp (94) 98198-3350. O anonimato é garantido e há ainda uma recompensa de R$2 mil a quem levar as autoridades ao paradeiro da menina.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA