Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Homem é assassinado com vários tiros na cabeça em Abaetetuba

O crime foi registrado nas primeiras horas desta terça-feira (31), na rua Siqueira Mendes, no centro da cidade

O Liberal

​Um homicídio foi registrado nas primeiras horas desta terça-feira (31), em Abaetetuba, no nordeste do Pará. A vítima foi identificada apenas pelo prenome Nildo. Ele foi alvejado por vários disparos de arma de fogo na região da cabeça e morreu na hora. O crime ocorreu na rua Siqueira Mendes, no centro da cidade.

VEJA MAIS

Rapper 23 Rackz é morto a tiros durante gravação de videoclipe
O artista tinha apenas 16 anos e estava em ascensão na cena musical norte-americana

Morte em Benevides: corpo é encontrado na lama em beira de estrada
O cadáver foi localizado na estrada do Maratá com a cabeça afundada na lama

Jovem de 19 anos é morto a tiros em Uruará
A motivação e autoria do homicídio ainda são desconhecidas

Quando familiares de Nildo chegaram ao local do ocorrido, uma pessoa, possivelmente testemunha, relata ter visto quando os criminosos deram a volta no quarteirão e abordaram o rapaz, que caiu em cima de uma calçada, aguardando os profissionais da Polícia Científica do Pará (PCP), responsáveis pela remoção do cadáver ao Instituto Médico Legal (IML) de Abaetetuba.

Os suspeitos fugiram após o crime e ainda não foram localizados. A Polícia Civil do município instaurou inquérito para apurar o caso. Ainda não há informações sobre o passado da vítima. Também está sendo investigado se Nildo vinha sofrendo algum tipo de ameaça, que pudesse culminar com a sua morte.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA