Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Soldado do Corpo de Bombeiros é sepultado neste sábado (12)

Cadáver seguiu em cortejo fúnebre, em um veículo oficial da instituição onde a vítima atuava, acompanhado de familiares e amigos

Ana Carolina Matos / O Liberal

O corpo do soldado do Corpo de Bombeiros do Pará, Alan Tadeu Neco Vieira, de 26 anos, foi sepultado na tarde deste sábado (12), no Parque das Palmeiras. O cadáver foi liberado da Funerária Jerusalém por volta das 13h, no bairro do Guamá, e seguiu em um cortejo fúnebre, transportado em um veículo oficial da instituição onde a vítima atuava. O percurso seguiu três pontos de homenagens para a vítima: o Comando-Geral do Corpo de Bombeiros Militar, a sede de um clube de motociclistas e um terceiro ponto não informado.

Muito abalados, familiares acompanharam o trajeto, ao lado de amigos, bombeiros militares e também de integrantes do Abutres, motoclube em que Alan participava. Segundo informou uma funcionária do local que preferiu não ser identificada, a vítima não foi velada por conta do avançado estágio de decomposição do corpo. Na funerária, foi feito apenas o serviço de lacragem da urna.

Saída do corpo da funerária, no bairro do Guamá, em Belém (Reprodução)

Entenda o caso

O cadáver de Alan Tadeu foi encontrado na tarde desta sexta-feira (11), em um cemitério clandestino localizado numa área de mata em Ananindeua. Ele havia desaparecido no dia 5 de junho, quando foi visto com vida pela última vez, em um bar de Ananindeua, na Grande Belém. O caso mobilizou a família e órgãos de segurança. 

O desaparecimento foi informado à família no dia seguinte, 6 de junho, após ele não se apresentar para trabalhar. Após o sumiço do soldado, a motocicleta dele foi encontrada na avenida Tavares Bastos, no bairro do Souza. Já o celular foi encontrado na Marambaia. 

No local onde a vítima foi achada morta, mais três corpos também foram encontrados: o do jovem Rômulo Matheus Farias Xavier, de 23 anos, e outros dois não identificados oficialmente até a publicação desta matéria. Na tarde deste sábado, a Polícia Civil do Pará informou que montou uma força-tarefa para identificar e prender os autores dos homicídios. A instituição destacou ainda que novas buscas estão sendo realizadas na área e testemunhas, como o proprietário do terreno, serão ouvidas

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA