Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

BR-316 está parcialmente interditada entre Castanhal e Santa Maria

A interdição parcial ocorre nos dois sentidos em virtude do transbordo de um rio sob o leito da via. Só veículos altos conseguem passar

Valéria Nascimento

O trânsito na BR-316 está parcialmente interditado, nos dois sentidos da via, no trecho entre Castanhal e Santa Maria, municípios do nordeste do estado, em razão do transbordo de um rio sob o leito da pista.

O transbordo e, consequente, alagamento da pista, foi provocado pelo aumento do volume de água com as chuvas durante esta madrugada de sábado (21). No momento, apenas veículos grandes, como caminhões e carretas, conseguem transpor a pista inundada, no perímetro informado.

VEJA MAIS

Ministério Público quer fim de alagamentos na BR-316
Os problemas são ocasionados, principalmente, pela insuficiência da vazão das galerias instaladas no local, alerta o NGMT

Projeto do Governo e prefeituras pretende acabar com alagamentos na BR-316
Retificação do igarapé Toras é uma das propostas em discussão

A rodovia BR-316, na altura do município de Castanhal, tem apresentado alagamentos por causa da pressão do volume de água em cursos d'água, este ano.

Em março passado, moradores chegaram a fazer um protesto em virtude dos constantes alagamentos em áreas da cidade, sobretudo na BR, no trecho próximo do Canal Paulo Titan.

De acordo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a pista apresenta problemas de inundação desde a noite desta sexta-feira (20), mas até então, o tráfego não chegou a ficar completamente interditado na rodovia.

A Redação Integrada aguarda retorno da Polícia Rodoviária Federal (PRF) sobre medidas tomadas para a orientação do fluxo na extensão da BR-316, na manhã deste sábado, no perímetro citado.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA