Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Após morte de Yasmin, homem que a presenteou com ursos de pelúcia afirma que não conhecia a jovem

Ele estaria na mesma lancha que a influencer quando a jovem morreu

Ana Laura Carvalho / O Liberal

Um homem que estaria no mesmo passeio de lancha que a influenciadora paraense e estudante de medicina veterinária Yasmin Cavaleiro de Macêdo, de 21 anos, disse, após a tragédia do último final de semana, que não conhecia a jovem e não tem certeza se ela estava mesmo na embarcação.

VEJA MAIS

'Ela bebeu porque ela quis, ela pulou porque ela quis', diz amiga de Yasmin que estava na lancha Em áudio enviado à família da estudante que morreu, jovem avisa sobre o desaparecimento

Em áudio, ocupante da lancha detalha os momentos que Yasmin teria desparecido: 'a gente pode ter tido um descuido' Relato chegou até a família da vítima

VÍDEO: Pai de Yasmin se pronuncia sobre morte da influencer: 'Isso eu não aceito' Ele afirmou que quer saber o que de fato aconteceu com a sua filha Yasmin, que morreu em um passeio de lancha

Caso Yasmin: o que se sabe até agora sobre o acidente que vitimou influencer paraense Yasmin Cavaleiro Macêdo, de 21 anos, morreu após passeio de lancha no rio Maguari, em Belém

“Eu não conhecia ela. Então, nem sei se ela estava na mesma lancha. Vi a amiga dela dizendo que não estava mais na lancha. Mas nem posso afirmar se estava mesmo. Não conheço muito bem elas”, disse o homem ao ter sido questionado através de mensagem privada em uma rede social, possivelmente, após o sumiço de Yasmin.

O advogado de defesa da família da influenciadora, Afonso Silva, teve acesso ao print da conversa, que deve fazer parte do inquérito que investiga o caso, através da Divisão de Homicídios. Segundo ele, o homem em questão ainda não apareceu para dar sua versão sobre o caso.

Pessoas próximas à influenciadora afirmam que é estranho, porém, o fato de o mesmo homem ter sido filmado e mencionado, por duas vezes, em vídeos que teriam sido gravados por Yasmin antes dela desaparecer. Nas imagens, supostamente registradas antes do acidente, o homem aparece em uma máquina de ursos de pelúcia. Na sequência, Yasmin publicou três brinquedos e disse que eram “presentes”.

Em seguida, ela mencionou o perfil do homem. Numa rápida pesquisa no Instagram da jovem, é possível verificar que a conta de Yasmin ainda segue o perfil do homem que se apresenta como médico.

Por meio de nota, a Polícia Civil informou “que as investigações continuam e todos os procedimentos cabíveis estão sendo executados para elucidar o caso. Informa, ainda, que o inquérito policial instaurado será concluído no prazo legal”.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA