Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Corpo de adolescente encontrado em estado de decomposição é reconhecido pelo pai em Altamira

Jovem estava desaparecida desde domingo (19)

O Liberal

O corpo encontrado pela polícia na manhã desta sexta-feira (24), em uma área rural do município de Altamira, no sudoeste do Pará, foi identificado como sendo da adolescente Maria Cecília Félix Batista, de 17 anos. A família reconheceu o corpo como sendo da jovem. Com informações do site Confirma Notícia.

VEJA MAIS

Corpo é encontrado em estado de decomposição avançado em Altamira
A Polícia Científica do Pará (PCP) removeu o corpo da vítima do local que supostamente seria uma mulher

Disputa entre facções criminosas teria motivado quatro mortes em Altamira
Dois homens foram presos com armas. Eles estão relacionados a outros dois homicídios

Criminosos executam homem a tiros dentro da própria casa em Altamira
A Polícia informou que a vítima estava sozinha em casa quando foi surpreendida pelos atiradores

Para isso, o pai da adolescente dirigiu-se até o local onde foi encontrado o corpo. Ao chegar lá, ele identificou a roupa que a filha usava. Maria Cecília estava desaparecida desde domingo (19). Ela teria sido vista pela última vez no bairro Casa Nova, de acordo com a postagem feita pela família nas redes sociais informando sobre o desaparecimento da adolescente. 

Descoberta do corpo

Um caçador foi quem encontrou o corpo na terça-feira (21). No entanto, apenas nesta sexta-feira (24), nas primeiras horas da manhã, a Polícia Militar conseguiu localizar o cadáver. Ele foi descoberto no interior de uma área de mata, em um ramal a cerca de 4 quilômetros do antigo Centro de Recuperação Regional de Altamira, em adiantado estado de decomposição.

Maria Cecília foi vista pela última vez, com uma amiga, na quadra de esportes do Reassentamento Coletivo Urbano (RUC Laranjeiras). O RUC fica no mesmo bairro onde a jovem morava com a família.

Ao tomar conhecimento da morte da adolescente, a Associação do Bairro Laranjeiras manifestou-se nas redes sociais: "Pedimos justiça às autoridades de Altamira e que encontrem  quem ceifou a vida da jovem que tinha uma vida inteira pela frente. Para a família, resta a saudade  e a lembrança. Mais uma mulher é vítima de violência em Altamira". 

O corpo foi removido pela Polícia Científica, e a Polícia Civil levanta informações sobre um possível assassinato da jovem. Denúncias sobre o caso podem ser feitas por meio do número 181.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA