Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Retorno a Belém registra acidente na BR-316

Motociclista foi socorrido após batida com caminhonete. Trânsito está mais lento na rodovia

Caio Oliveira e Igor Mota

Um acidente de trânsito envolvendo um carro e uma motocicleta deixou o trânsito mais lento na rodovia BR-316, pouco depois da Estrada de Mosqueiro, no sentido de quem volta para a capital paraense. 

LEIA MAIS
Movimentação é intensa na praia do Atalaia, em Salinas
- Motorista tem porta malas inundado ao passar por 'laguinho' no Atalaia

A colisão entre os dois veículos - uma caminhonete de uma empresa de engenharia e uma motocicleta modelo Yamaha Factor, amarela - foi por volta de uma 13h30. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) esteve presente no local e interditou uma das pistas da BR enquanto o homem que pilotava a motocicleta era socorrido.

Piloto da moto foi socorrido pelo Samu (Igor Mota / O Liberal)

Os agentes federais que atenderam a ocorrência coordenavam o trânsito, e faziam de tudo para manter o fluxo de carros, já que muitas pessoas voltavam dos balneários no interior do estado e o tráfego começava a ficar muito intenso na rodovia.

Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192)  esteve no local para socorrer a vítima acidentada. A princípio, o homem teria machucado o quadril, e por isso, precisava ser levado para um hospital. Familiares do homem que se acidentou estavam no local, bastante alterados, e os funcionários da empresa que estavam na caminhonete conversavam com a polícia para resolver a situação.

Movimento de ônibus foi grande nas praias


O domingo quente estava ideal para quem ocupava as areias de Salinópolis, e o calor de 30º, coroado com um sol forte e um céu sem nuvens fez com que a Praia do Atalaia fosse tomada por banhistas, que curtiam mais um final de semana do veraneio.

O domingo sempre é um dia especial no litoral paraense, pois além das pessoas que estão na cidade hospedadas, também é o dia escolhido pelos veranistas dos famosos piqueniques, que vem de longe para passar apenas um dia na praia, chegando no começo da manhã e voltando para casa de tarde.

O pintor Disney Coelho veio de Santa Izabel do Pará com a família e amigos em um micro-ônibus, chegando às 7h, e planejava estar saindo da praia por volta das 16h. "Eu venho aqui com certa frequência. Com certeza a movimentação esse ano está diferente, devido à pandemia, tem menos gente agora. Mas está ótimo, estamos nos divertindo muito, como sempre”, disse o veranista.

"Venho aqui com certa frequência. A movimentação esse ano está diferente, devido à pandemia, tem menos gente agora. Mas está ótimo, estamos nos divertindo muito, como sempre”, disse o pintor Disney Coelho, que partiu para Salinópolis de Santa Izabel, com a família e amigos, em um micro-ônibus 

Enquanto uns curtem o sol, outros aproveitam o calor para ganhar dinheiro. José Bruno veio de Campina Grande, na Paraíba, para vender os chapéus da moda na praia e voltar para o nordeste com uma renda que será bem-vinda para sua esposa e filhas. “Cheguei no dia 3 de julho. O melhor lugar do país é aqui. É riqueza demais e um povo humilde. Eles têm o prazer de ajudar, olha; tem deles que já têm o chapéu, mas compra só para me ajudar”, comemora o paraibano, apaixonado pelo Pará.

Tarde com bom fluxo na BR-316


No final da manhã, já era grande o fluxo de carros que deixavam Salinópolis e seguiam para suas cidades de origem, guiados por motoristas que queriam evitar os já conhecidos congestionamentos que sempre ocorrem pela tarde. No posto do Batalhão de Policiamento Rodoviário (BPRv) na rodovia PA-124, o movimento era constante, e os policiais, junto de agentes do Departamento de Trânsito (Detran) trabalhavam na orientação dos condutores.

“Até agora, está bem tranquilo”, disse o sargento Almir Barbosa. “Está fluindo bem. Graças a Deus, até o momento, sem acidentes. Mas daqui a pouco, começa a aumentar o volume”, disse o policial ao final da manhã na saída de Salinópolis, pronto para a intensificação dos fluxo de carros que começaria a partir do meio da tarde.

Já na região Metropolitana de Belém, um acidente de trânsito envolvendo um carro e uma motocicleta deixou o trânsito mais lento na rodovia BR-316, pouco depois da Estrada que dá acesso ao distrito de Mosqueiro (PA-391), no sentido de quem volta para a capital paraense. Apesar da morosidade, o caso não fez o trânsito parar, e apenas atrasou os motoristas em alguns minutos.

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM PARÁ

MAIS LIDAS EM PARÁ