Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Infraero espera mais de 300 mil passageiros no Aeroporto Internacional de Belém durante julho

A somatória dos aeroportos de Belém, Parauapebas, Marabá, Altamira e Santarém ultrapassa o fluxo de 500 mil pessoas

O Liberal

Cerca de 338.889 passageiros devem passar pelo Aeroporto Internacional de Belém durante o mês de julho. Os dados foram disponibilizados pela Infraero e levam em conta do dia 1º de julho até 1º de agosto. A empresa prevê 2.916 voos somente na capital paraense. A expectativa é de que mais de 97 mil pessoas passem pelo aeroporto em contraste com o ano passado. O aumento deve ser de 35% nas viagens e 34% no número de viajantes comparado com 2021. Os 17 aeroportos da Rede Infraero em todo país com voos comerciais regulares devem receber cerca de 4,1 milhões de passageiros. O número é 96% maior em relação ao movimento do ano passado. 

Na tabela divulgada pela Infraero, de 2 de julho até 2 de agosto de 2021 foram realizados 2.158 voos e 291.019 passageiros passaram pelo local. A estimativa é de que a procura supere até antes da pandemia. Em 2019, foram contabilizados a passagem de 360.124 pessoas no Aeroporto Internacional de Belém. Um crescimento de 12% nos voos e 8% nos passageiros em relação a  2022 e 2019. 

Em Santarém, oeste do estado, a movimentação deve ser 52.581 pessoas e 452 voos no Aeroporto Internacional de Santarém no período de 1 de julho a 2 de agosto, totalizando 44 viagens a mais de 8 mil passageiros no local. Comprado com 2019 teve um crescimento de 9% no cálculo de passageiros. 

Nos aeroportos de Carajás e o João Corrêa da Rocha, localizado em Parauapebas e Marabá respectivamente, municípios na região sudeste do Pará, a somatória da previsão nos dois locais de 1º junho a 1º de agosto deste ano ultrapassa 50 mil passageiros. Comparado com o ano passado ambos aeroportos acumularam cerca de 36.105 passageiros desde o dia 2 julho ao dia 2 de agosto. O crescimento dos dois locais foi de 87% de passageiros nos dois locais em comparação com o ano passado. 

No sudoeste do Pará, onde fica o Aeroporto Interestadual de Altamira, são esperados 64 voos e o fluxo de 9.472 pessoas. Em 2021, foram 54 viagens e 7.502 transeuntes.A expectativa é de que a procura por voos aumente 19%, correspondente ao crescimento de 26% no número de passageiros. 

Terminal Hidroviário 

No Terminal Hidroviário de Belém (THB), são esperados cerca de 90 mil usuários, uma média de 3 mil por dia, durante as férias escolares de julho, segundo estimativa é da Companhia de Portos e Hidrovias do Pará (CPH).  A estimativa representa um aumento de 28,5% no número de passageiros. No ano passado, o THB registrou cerca de 77 mil usuários durante o mesmo período.

Com relação aos destinos mais procurados, os municípios do Arquipélago do Marajó seguem sendo os mais procurados para o período de férias.

Terminal Rodoviário

Muitos passageiros também planejam sair da capital paraense utilizando o transporte terrestre. Para a Sociedade Nacional Apoio Rodoviário Turístico (Sinart), entidade responsável pela administração do Terminal Rodoviário de Belém, aproximadamente 126.400 passageiros devem embarcar no terminal durante o mês de julho. Com relação ao ano de 2021, o aumento deve ser de 35% no número de passageiros. Só para o primeiro final de semana de férias (2 e 3 de julho), a previsão é 12.100 embarques e 4.800 desembarques.

Entre os destinos mais procurados no Estado está o distrito de Mosqueiro e os municípios de Salinópolis, Bragança, Marudá, Colares e Vigia. Já fora do território paraense, os passageiros devem optar por São Luís, Fortaleza, Recife e Rio de Janeiro. 

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM PARÁ

MAIS LIDAS EM PARÁ