Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Pesquisa aponta que uso de vibrador pode ser prescrito por médicos; entenda

Os benefícios desse objeto são muitos, entre eles, o reforço do assoalho pélvico e aumento de libido

Karoline Caldeira

A organização acadêmica americana de saúde Cedar-Sinai Medical Center apontou em estudo que o uso de vibradores pode trazer benefícios à saúde, como reforço do assoalho pélvico, diminuindo a incontinência urinária. A pesquisa destaca que a prescrição médica do acessório pode ser feita por profissionais em geral e especialistas em medicina pélvica feminina e cirurgia reconstrutiva.

Para chegar nessa conclusão, foram analisados 558 artigos voltados ao tema. Além do benefício destacado pelos pesquisadores, o uso desse sexy toy pode aliviar dores, diminuir o estresse, melhorar o sistema imunológico e até auxiliar na diminuição de quadros depressivos.

VEJA MAIS

Anitta afirma que mulheres não precisam de homens: 'Temos vibradores'
A cantora também falou sobre autoestima para a publicação norte-americana. Anitta reforça o discurso da força feminina em seu novo trabalho

Mulher passa por cirurgia após ficar com vibrador de 20 cm preso no reto
Brittany, que se diz viciada em masturbação, conta que era possível sentir a vibração nas costas: ‘Entrei em pânico por uns vinte minutos’

Conheça os seis vibradores mais caros do mundo
Os preços variam de R$ 12 mil a R$ 9,3 milhões

Apesar do tabu envolvendo o assunto, os vibradores também podem fazer parte do autoconhecimento, como descobrir os pontos erógenos do corpo. Em períodos de menopausa e puerpério, pode ser usado para aumentar a libido. Esses acessórios não existem somente para as mulheres. Há também masturbador masculino com os mesmos fins.

Confira formas de usar um vibrador

Clitóris

A região é hipersensível, mas pode ser usado um vibrador nesta área de prazer para estimulá-lo. É recomendável com uma vibração de menor intensidade. 

Vagina

O mais comum é que seja usado como a penetração convencional, estimulando a lubrificação vaginal, fluxo sanguíneo e zonas erógenas internas da vagina.

VEJA MAIS

Atriz de 'Malhação' diz preferir receber como presente vibrador ao invés de joia: 'Dão mais prazer'
Ana Paula Tabalipa afirma que não pensa em se casar novamente por causa dos filhos

Mulher fica com vibrador preso na vagina e é internada em estado grave; entenda
A oficial do exército expôs a situação nas redes sociais e relatou que quase morreu

VÍDEO: Ana Paula Padrão fala sobre ‘problema’ com vibrador gigante
Ela colocou o brinquedo sexual na bolsa e foi trabalhar, mas, na volta de uma gravação, não a encontrou

Períneo

Essa região fica entre a vagina e o ânus. Utilizar o vibrador nesta área pode ser uma boa opção para quem deseja tentar a penetração anal. 

Ânus

Se você estiver com insegurança na hora da penetração anal, um vibrador pode proporcionar essa experiência, mas cuidado, nem todos esses acessórios foram feitos para essa área. Com informações do portal Universa.

(Estagiária Karoline Caldeira, sob supervisão do editor executivo de OLiberal.com, Carlos Fellip)

Palavras-chave

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO