Cientistas criam laser para detectar sinais de alienígenas; veja como funciona

O equipamento - chamado obrtrap - pesa 7kg. A tecnologia traz algumas vantagens, sendo menor e mais eficiente que os antecessores

Rayanne Bulhões

Os mistérios dos céus e a possibilidade de haver vida extraterra faz com que muitas pessoas se rendam às pesquisas sobre o tema. Dessa vez, cientistas criaram um laser que é capaz de detectar sinais de alienígenas. O dispositivo pode revolucionar a busca por vida em outro planetas. 

O protótipo foi montado por membros da Universidade de Maryland, de Portugal, entre eles o professor Ricardo Arevalo. Embora o mecanismo não seja uma novidade, a tecnologia traz algumas vantagens, sendo menor e mais eficiente que os lasers antecessores. Isso tudo sem comprometer a análise de amostras planetárias e a atividade biológica no local.

O equipamento - chamado obrtrap - pesa 7kg. É uma combinação reduzida de duas ferramentas. Pelo funcionamento, o laser ultravioleta pulsado remove pequenas quantidades de material e um scanner chamado Orbitrap que fornece dados de alta resolução sobre química do local. 

“O Orbitrap foi originalmente construído para uso comercial. Você pode encontrá-los nos laboratórios das indústrias farmacêutica, médica e proteômica. O do meu próprio laboratório pesa pouco menos de 181 kg e, claro, eles são bem grandes”, contou ao jornal britânico “Daily Star”.

VEJA MAIS

image É marketing! Alok assume autoria de alguns desenhos em plantações; vídeo
Trata-se de um novo projeto, com inspirações em vidas extra terra, a ser lançado no dia 23/12. O Dj só descartou a relação com as luzes em Porto Alegre e agroglifo em Ipuaçu, Santa Catarina

“Levamos oito anos para fazer um protótipo que pudesse ser usado com eficiência no espaço – significativamente menor e com menos recursos, mas ainda capaz de ciência de ponta”, disse o cientista. Esta técnica ainda não foi aplicada em um ambiente planetário extraterrestre, mas o professor Arevalo confirmou que o dispositivo é otimizado para exploração espacial e análise de material planetário no local.

É esperado para o futuro que o mini LDMS Orbitrap fornça informações mais detalhadas do sistema solar externo - incluindo aqueles focados na detecção de vida como o "Enceladus Orbilander" e exploração da superfície lunar como o "Programa Artemis da NASA".

image Máquina extermina baratas com inteligência artificial e raio laser
Equipamento usa câmeras para detectar a posição do inseto, que recebe um jato de calor mortal

image Conheça os benefícios do laser portátil Recover
Equipamento é indolor e pode ser utilizado nas áreas da saúde e estética

“Eu vejo este protótipo como um desbravador para outros futuros instrumentos baseados em LDMS e Orbitrap. Nosso mini-instrumento Orbitrap LDMS tem o potencial de melhorar significativamente a maneira como atualmente estudamos a geoquímica ou astrobiologia de uma superfície planetária”. (Com informações de “Daily Star”)

Mundo
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO