Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Vitória sobre o Pinheirense na final do Parazão sub-20 não traz favoritismo, dizem atletas do Remo

Os azulinos estão bem próximos de conquistar o bicampeonato paraense do sub-20 de decidem o título no próximo domingo, no estádio Evandro Almeida

Luiz Guilherme Ramos

O primeiro duelo da final do Parazão sub-20 entre Remo e Pinheirense foi vencido pela equipe azulina, pelo placar de 2 a 0. A partida realizada no domingo passado, no estádio Abelardo Conduru, em Icoaraci, colocou os remistas na rota de colisão com o bicampeonato estadual. Apesar da vantagem, os jogadores não querem adotar o discurso do "já ganhou". 

Whatsapp: saiba tudo sobre o Remo. Recêêêba!

Depois do triunfo, a equipe vem trabalhando durante a semana, sob o comando do técnico Elvaldo Junior. Um dos atletas mais experientes do grupo, o volante Henrique, disse em entrevista coletiva que o grupo tende a usar da tranquilidade para manter o ritmo e sair de campo, no próximo dia 4 de setembro, com mais um título de campeão paraense sub-20.

VEJA MAIS

Remo vence Pinheirense no jogo de ida da final do Parazão Sub-20; a volta será no próximo domingo (4)
Vitória azulina foi construída com dois gols no primeiro tempo

Presidente da FPF corre atrás de mais uma vaga na Copa São Paulo de Futebol Junior de 2023; entenda
Remo e Parauapebas têm vaga garantida por decidirem o sub-20 de 2021; para este ano, Remo e Pinheirense decidem título da base e uma vaga pode beneficiar o time de Icoaraci

Remo: FPF divulga datas da decisão do Parazão sub-20 contra o Pinheirense
Leão busca o bicampeonato do torneio estadual de base mais importante da categoria

"Eu sempre tento passar o que eu aprendi no profissional para os meninos. Assim como eles me ajudam, eu ajudo eles também, de alguma forma. Isso é bem gratificante, estar aqui e ajudar lá. A gente teve mais sequência de treino. Não é a toa que desde o ano passado chegamos na final. Se Deus quiser seremos campeões novamente", disse. 

Sobre o favoritismo, o atleta adota o discurso da precaução. "Como a gente sempre conversa, não ganhamos nada. Foram 90 minutos que não nos deram o título, mas saímos com o placar favorável. Não é por estar em casa que vamos diminuir. Ainda não acabou". O mesmo foi dito pelo atacante Ricardinho, autor de um dos gols da vitória por 2 a 0. 

"Essa semana vamos trabalhar bem, para fazer um ótimo jogo domingo, que será o das nossas vidas. Queremos fazer um bom jogo para sermos bicampeões", comenta, ainda emocionado com o gol que ajudou o time a colocar uma mão na taça. "Acho que o gol ali saiu como trabalho de toda equipe. É gratificante fazer um gol assim, que possa ajudar o time num momento tão decisivo quanto essa final", encerra. 

Remo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM REMO

MAIS LIDAS EM ESPORTES